Com a finalidade de regular as ações, especialmente, nas fases de preparação e resposta em atendimento às ocorrências relacionadas à desastres hidrológicos e geológicos deste período, de forma a minimizar os danos humanos, materiais e ambientais e diminuir, assim, prejuízos econômicos e sociais, o 10° Batalhão de Bombeiros Militar, no âmbito da Sede e Frações subordinadas deu início às ações de seu “Plano de Preparação para o período chuvoso 2021/2022”.

Os propósitos do “Plano de Preparação para o período chuvoso” são: potencializar as ações de Gestão do Risco de Desastres (GRD), que trata das medidas preventivas destinadas à redução de riscos de desastres, suas consequências e à instalação de novos riscos.

O Plano também traz como alvo a potencialização das ações de Gestão de Desastres (GD), com processo de planejamento, coordenação e execução das ações de resposta e de recuperação de um desastre, além da organização e mobilização de recursos, instalações e pessoal para socorrer e assistir afetados e reabilitar os serviços essenciais. Podemos destacar ainda a redução dos riscos de desastres, a fim de proteger de forma mais eficaz pessoas, comunidades e países, seus meios de vida, saúde, patrimônio cultural, patrimônio socioeconômico e ecossistemas, além de aumentar substancialmente a disponibilidade e o acesso a sistemas de alerta precoce para vários perigos e as informações e avaliações sobre o risco de desastres para a população.

Dentre as ações de Proteção e Defesa Civil desencadeadas, é importante destacar o planejamento e a execução de simulados com temática atinente ao Período Chuvoso, realização de vistorias em locais de risco e mapeamento destas áreas, realização de reuniões mensais em todos os municípios com participação de representantes de demais Órgãos envolvidos, afim de avaliação das operações realizadas, bem como previsão meteorológica e adoção de medidas preventivas fundamentadas no período anterior.

Juntamente com demais Órgãos integrantes do Sistema de Proteção e Defesa Civil, foram executados simulados na modalidade “table top” e, também, em locais onde há população em risco, com as devidas orientações para prevenção, preparação, alerta e alarmes, além das ações de mitigação

  Foram desenvolvidos e planejados simulados operacionais com temas específicos, conforme se vê abaixo.

•      Em 23 de novembro de 2021, treinamento de Sistema de Comando em Operações (SCO) para o secretariado da Prefeitura Municipal de Divinópolis, seguido de simulado de mesa (Tabletop);

•      Em 26 de novembro de 2021, simulado de mesa (Tabletop) para ações de Gestão de Desastre (GD) em caso de chuvas intensas no município de Nova Serrana e região;

•      Em 10 de dezembro de 2021, simulado de atendimento de ocorrência de vítima soterrada no município de Oliveira;

•      Em 14 de dezembro de 2021, simulado de atendimento de ocorrência de vítima soterrada no município de Pará de Minas;

•      Em 16 de dezembro de 2021, treinamento de Sistema de Comando em Operações (SCO) para Órgãos/Instituições envolvidos na Defesa Civil, seguido de simulado de mesa (Tableto), no município de Formiga;

•      Em 16 de dezembro de 2021, simulado de mesa (Tabletop) para ações de Gestão de Desastre (GD) em caso de chuvas intensas, no município de Itaúna.

Além dos simulados, estão sendo realizadas vistorias em pontos vulneráveis a desastres meteorológicos, geológicos e hidrológicos, nos limites de atuação do 10° BBM e mapeamento de áreas de risco hidrológico e geológico.

Os simulados contaram com importantes parcerias de Órgãos e agências, como as COMDEC, a PMMG, SAMU, Guardas Municipais e empresas privadas, dentre outras.

Fonte: Corpo de Bombeiros

Comentários
COMPATILHAR: