Pouca gente sabe, mas, neste sábado (25), é comemorado o Dia Internacional da Mulher Negra Latino-Americana e Caribenha.
A data foi escolhida em 25 de julho de 1992, durante o I Encontro de Mulheres Afro-latino-americanas e Afro-caribenhas, em Santo Domingo (República Dominicana). Na ocasião, definiu-se que este dia seria o marco internacional da luta e resistência da mulher negra. Desde então, vários setores da sociedade têm atuado para consolidar e dar visibilidade a esta data, tendo em conta a condição de opressão de gênero, raça e etnia vivida pelas mulheres negras latino-americanas e caribenhas.
Há diversas comemorações pelo mundo e no Brasil, mas muitas localidades deixam a data passar despercebida.
Em Formiga, para homenagear as mulheres negras, foram espalhadas algumas faixas pela cidade, por iniciativa do Conselho Municipal de Identidade Negra (Comin), com apoio da Prefeitura de Formiga, do Partido dos Trabalhadores (PT), da deputada estadual Maria Tereza Lara/PT e do deputado federal Odair Cunha/PT.
A vocês, mulheres negras, também nossa homenagem!

Comentários