O 3º Encontro do Pescador Esportivo de Formiga contará com a participação de 50 embarcações. Segundo explicou o supervisor de Turismo da Prefeitura, Eduardo Batista, o número de inscrições não corresponde necessariamente ao número de participantes, pois cada barco inscrito poderá conter até três pessoas, podendo chegar ao número total de 200 pessoas.
O torneio de pesca está sendo organizado pelos pescadores esportivos Vicente Nogueira Filho e Airton Lagoeiro, e tem o apoio da Prefeitura de Formiga e da Associação dos Municípios do Lago de Furnas (Alago).
Na ocasião, serão avaliados os maiores exemplares de peixes das espécies dourado, tabarana e tucunaré, com tamanho de, no mínimo, 25 centímetros. O torneio será apenas esportivo com o uso de iscas artificiais e arremesso (Bait), sendo totalmente proibido o uso de iscas vivas ou outro tipo de modalidade de pesca.
As equipes que ficarem entre as cinco melhores colocadas receberão troféus. Além disso, será sorteado um barco e outros brindes relacionados à pesca esportiva.
Haverá no final do evento uma palestra com o tema ?Pesca Esportiva no Lago de Furnas?, ministrada por Zeca da Caterva, do site Fórum de Pesca.
O pescador Airton Lagoeiro comentou sobre a importância da pesca esportiva: ?se praticarmos a pesca esportiva, garantiremos o estoque pesqueiro nos lagos e incentivaremos o mercado consumidor, através de criatórios. Além disso, a pesca esportiva atrai pescadores do Brasil inteiro, e isso gera empregos na região. Outro fator extremamente importante é a defesa ambiental? , contou.
Segundo Vicente Nogueira, o objetivo do encontro é também de conscientizar sobre a preservação do peixe com a pesca esportiva.

Pesca Esportiva
É uma modalidade que se pratica como esporte ou hobby, sem que dela dependa a subsistência do pescador. Também pode-se chamar de pesca de lazer ou pesca amadora. A pesca desportiva é uma das mais populares, utilizando-se apenas vara e linha de pesca e anzol. Ela é praticada no mar, rios, lagos com o uso de iscas naturais ou molinetes ou carretilhas.
A pesca recreativa está entre as atividades de integração social e lazer mais difundidas no mundo, sendo uma prática que promove a união familiar ou de grupos de amigos. Muitas vezes, é a principal motivação para uma viagem de turismo.
Apesar de ser pouco explorada no Brasil, é grande o potencial dessa atividade devido à variedade de peixes e à grande extensão costeira e rede hidrográfica quando comparada com a América do Norte, que atualmente gera um enorme resultado com o turismo pesqueiro.
Entre as várias opções de pesca, a que mais vem se popularizando é o pesque-pague, uma atividade barata, bastante difundida e próxima às grandes cidades.
Segundo informações do Setor de Turismo da Prefeitura, algo bastante comum é considerar que a pesca desportiva é somente a do marlin e de outros peixes marinhos de grande porte. Porém, existem várias outras espécies de menor tamanho que se enquadram nesta modalidade de pesca, como a truta, que apresenta de 30 a 40 centímetros, também, existe a modalidade dedicada à pesca das grandes carpas, denominada Carp fishing, que poderia ser praticada em qualquer pesque-pague.

Carreata para divulgação
Nesta sexta-feira (25), a partir de 19h, será realizada uma carreata para divulgação do 3º Encontro do Pescador Esportivo de Formiga. A carreata sairá do bairro Ouro Negro, passando por ruas do Centro até o Terminal Rodoviário.

Comentários
COMPATILHAR: