O público compareceu em peso na primeira etapa do 43º Festival Nacional da Canção (Fenac), que aconteceu no Clube Literário, em Extrema, nos dias 26 e 27 de julho. Uma das principais atrações do evento foram os shows de Sílvio Brito e Jair Rodrigues.
Diversos ritmos, gêneros musicais e a qualidade dos intérpretes marcaram a primeira fase classificatória do Fenac. Entre as 26 canções apresentadas na cidade, cinco foram classificadas para a semifinal, que acontecerá em Boa Esperança, no início de setembro.
As cinco músicas classificadas em Extrema e que estarão na semifinal em Boa Esperança foram:
Iluminar de Conrado Pera, interpretada por Alana Moraes e Gabriel Selvage, Alto Paraiso de Goiás/GO;
Muito Afim de Marcus Lima, compositor e intérprete, Niterói /RJ
Salve a Folia de Valéria Pisauro, interpretada por Adriana Sperandir e Adriano Sperandir, Osorio/ RS
Te Procuro de Angelo Santedicola, Raul Maxwell e Edinho Vilas Boas, interpretada por Edinho Vilas Boas, Fortaleza/CE
Minha Alma Gêmea de Paulo César Pinheiro, Eudes Fraga e Evaldo Gouveia, interpretada Eudes Fraga, Belém/PA
Quem passou pela Praça da Matriz, também pode acompanhar as performances de artistas da música, dança e mágica, contratados pelo Fenac e que durante as tardes de sexta e sábado, encantaram a população.
O 4º Festival Nacional da Cultura também premiou o aluno Pedro Tadeu S. Ferraz, do 8º Ano I, do ensino fundamental da Escola Municipal Professor João Orsi de Moris, que venceu o concurso literário Jovens Compositores, com a poesia ?Brasil, uma Copa Sustentável?.

Comentários