A abertura dos envelopes de documentação das empresas interessadas em participar do processo licitatório, na modalidade concorrência foi realizada na quinta-feira (27), visando a continuidade da construção da Unidade de Pronto Atendimento (UPA 24h).
Com a abertura destes envelopes, os membros da Comissão de Licitação consideraram habilitadas as seguintes empresas: CLL Engenharia e Empreendimentos, Construtora J Freitas, Construtora Ferreira Oliveira, Sustentar Engenharia, São José e São José, Metha Projetos Életricos e Hidraúlicos e Construção Civil, CRV- Construtora Rezende e Alvarenga e a Construtora Chaves Costa. A comissão considerou inabilitada a Construtora Pereira e Malta, por apresentar capital social abaixo do mínimo estipulado que é de R$ 131.336,81.
Dessa maneira, a Comissão de Licitação decidiu conceder um prazo de cinco dias úteis para a empresa entrar com recurso contra a inabilitação, caso ela não se manifeste os membros da comissão irão se reunir na próxima quinta-feira, para agendar a data de abertura dos envelopes com as propostas.
A obra está orçada em R$1.313.368,18 e o prazo para conclusão é de oito meses a partir da emissão da Ordem de Serviço.
A obra
Em maio, deste ano, a Prefeitura Municipal de Formiga constatou alguns problemas na construção das obras da UPA. Na época foi realizada uma reunião com os responsáveis pelas obras, a Cubo Engenharia. Na reunião, representantes da empresa declararam que não era possível cumprir o cronograma das obras nas datas previstas.
Porém, em agosto, o contrato com a Cubo Engenharia venceu e não foi renovado devido a empresa não executar no prazo exigido. A Cubo Engenharia alegou problemas financeiros.
Após a conclusão da UPA, serão desenvolvidas atividades de saúde em um local estratégico e que possuirá uma estrutura adequada. A estrutura está de acordo com as exigências da Política Nacional de Atenção às Urgências, com apoio da Secretaria de Saúde. Conforme consta no projeto, o terreno da obra possui 2.897 m² e a construção será de 1.283 m². A UPA está sendo construída próxima à Santa Casa de Caridade de Formiga.

Comentários