O trânsito nas rodovias que cortam Minas Gerais, após manifestações nesta sexta-feira (30) já foi liberado. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e a Polícia Militar Rodoviária (PMRv) já não existem mais retenções após os bloqueios que ocorreram pela manhã por causa dos protestos contra a Reforma da Previdência.

Pela manhã houve transtornos para os motoristas que transitam nas rodovias que cortam Minas Gerais. Pelo menos quatro estradas diferentes foram alvo de manifestações.

Na BR-381, o Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST) fez uma manifestação que liberou para os motoristas a passagem na praça de pedágio da Autopista Fernão Dias, na altura de Itatiaiuçu, na região Central do Estado. Conforme a comunicação do movimento, o grupo fez um revezamento, fechando a rodovia em um sentido enquanto o pedágio é liberado no outro.

Em Bocaiúva e Montes Claros, ambas cidades do Norte de Minas, cerca de 450 famílias do MST fizeram protestos que interditaram a BR-135. Eles também ocuparam a BR-116, em Governador Valadares, na região do Rio Doce.

Além disso, a BR-040, na altura de Juiz de Fora, na Zona da Mata, foi palco de uma manifestação que reúne integrante do MST e outros sindicatos, como o dos metalúrgicos. O ato aconteceu em frente à sede da Votorantim.

(Foto: divulgação MST)

 

Fonte: O Tempo Online ||

COMPATILHAR: