O Atlético encerra nesta quarta-feira (4), diante do Bahia, no Estádio Joia da Princesa, em Feira de Santana, no interior baiano, o 24º mata-mata contra uma equipe nordestina na Copa do Brasil buscando muito mais que a sua 19ª classificação. O Galo tenta mostrar, mais uma vez, que a última atuação na região, pelo torneio, apesar de ter sido há menos de um ano e meio, é um passado distante na história do clube.

Em 26 de fevereiro de 2020, pela segunda fase da Copa do Brasil, ainda disputada em jogo único, o Atlético empatou por 2 a 2 com o Afogados (PE), no Estádio Vianão, em Ingazeira, e foi eliminado nos pênaltis, com a derrota por 7 a 6.

O vexame provocou a queda do técnico venezuelano Rafael Dudamel, com Jorge Sampaoli sendo contratado para o seu lugar. Além disso, os chamados 4Rs investiram alto na formação de um grupo de jogadores de qualidade, com o Galo sendo terceiro colocado no Brasileirão de 2020, com apenas três pontos a menos que o campeão Flamengo. Nesta temporada, o projeto segue ainda mais forte, com reforços como Hulk e Nacho Fernández, e sob o comando de Cuca.

Como venceu a partida de ida, na última quarta-feira (28), no Mineirão, por 2 a 0, o time comandado por Cuca avanças às quartas de final da segunda competição nacional até com derrota por um gol de diferença. Se o Bahia vencer por dois tentos de vantagem, força a decisão por pênaltis. A partida será em Feira de Santana porque o tricolor baiano cumpre suspensão de perda de mando de campo imposta pelo STJD por causa de confusão na decisão da Copa do Nordeste.

Bahia x Atlético

Bahia: Matheus Teixeira; Nino Paraíba, Conti, Ligger e Juninho Capixaba; Edson, Patrick de Lucca e Thonny Anderson; Rossi, Rodriguinho e Gilberto. Técnico: Dado Cavalcanti

Atlético: Everson; Mariano, Réver, Junior Alonso e Dodô; Allan, Jair (Hyoran) e Tchê Tchê; Savarino, Sasha (Nacho) e Hulk. Técnico: Cuca

Motivo: jogo de volta – oitavas de final da Copa do Brasil
Data: 4 de agosto de 2021, quarta-feira, às 21h30
Local: Estádio Joia da Princesa, em Feira de Santana (BA)

Árbitro: Vinicius Gonçalves Dias Araújo (SP)
Auxiliares: Marcelo Carvalho Van Gasse (SP) e Daniel Paulo Ziolli (SP)
VAR: José Claudio Rocha Filho (SP)

Fonte: Itatiaia

Comentários