A prefeitura de Belo Horizonte (PBH) confirmou a morte da primeira vítima da Covid-19 na faixa etária de 15 a 19 anos. Conforme o boletim epidemiológico da PBH, a vítima é uma mulher, que não tinha doenças anteriores à infecção pelo vírus (comorbidades).

O documento, no entanto, não contempla detalhes sobre identificação da moça, ou sobre as circunstâncias do óbito. Até essa sexta, a capital mineira já acumulava 3.145 mortes. Outros 138.127 belo-horizontinos já foram infectados pelo novo coronavírus, desde o início da pandemia.

ovens

Até o momento, quatro pessoas, com idades entre 1 e 19 anos, morrem na capital mineira em decorrência da enfermidade. Dois pacientes tinham entre 1 e 4 anos, a terceira vítima tinha entre 10 e 14 anos, já a quarta tinha entre 15 e 19 anos. 

Situação em Minas

Pelo menos 23.366 morreram por Covid-19 em Minas Gerais até este sábado (27), que teve recorde de registro de óbitos pela doença no Estado, com 479 ocorrências. O recorde ocorreu após falhas no sistema de preenchimento de dados da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG), que causou represamento de informações, segundo a pasta.

Nesta semana, o secretério de Estado de Saúde, Fábio Baccheretti, afirmou que o número de óbitos tende a continuar crescendo nas próximas semanas. “Os óbitos de hoje são de pacientes internados há 20, 30 dias. Como estamos vivendo um momento de alta ocupação de leitos no Estado, esses óbitos (de pacientes internados) vão aparecer daqui a duas, três semanas. Provavelmente, os números apresentados hoje aumentarão de forma progressiva e, a cada dia, lamentaremos mais mortes pela doença”, detalhou, na quarta-feira (24), que até então era o dia com mais ocorrências registradas, chegando a 374. 

Fonte: O Tempo Online

Comentários