Bocaina de Minas, cidade da região Sul do Estado, aprovou moção em repúdio à venda dos Correios no dia 2. A apresentação da iniciativa aconteceu na Câmara Municipal, com autoria da vereadora Maria dos Santos Silva (PP).

A proposta foi aprovada por unanimidade dos membros da Casa e Bocaina de Minas se tornou o município de número 129 em MG a manifestar apoio aos Correios.

Durante a sessão, a autora da proposta ressaltou que “A privatização para nós seria péssima. Os Correios são uma empresa que atende a todos. Um pequeno tamanho de Bocaina de Minas é centro urbano. A maior parte é zona rural. E chegam todas as correspondências, desde um telegrama até pneus, peças de máquinas etc”.
 
Em todo o Estado, inúmeras outras cidades já disseram ‘não’ à privatização dos Correios aprovando moções similares. Desde os municípios pequenos, passando pelos de médio e grande porte, há exemplos deles em todas as regiões de MG. A lista com a relação completa está no site da Associação dos Profissionais dos Correios Regional Minas Gerais (ADCAP Minas), que apoia a iniciativa.
 
Ao serem aprovadas, as moções são enviadas às autoridades do Congresso Nacional e do Executivo Federal. No site da Associação, também é possível conferir quem são os vereadores que propuseram as iniciativas em repúdio à privatização da estatal. Eles são de correntes políticas variadas, demonstrando que manter os Correios como empresa prestadora de serviços públicos é de interesse de toda a sociedade.
 
Caso os Correios sejam privatizados, serviços oferecidos pela empresa podem deixar de existir em diversas localidades. A empresa está presente em todas as 5.570 cidades do País. Em 60% delas, somente há a agência dos Correios como representação do governo federal. Por isso, os Correios são um agente de integração de diversas localidades às principais regiões econômicas do País. 
 
Além disso, a empresa é importante para muitos empreendedores, que a escolhem para a distribuição de produtos e mercadorias. No comércio eletrônico, por exemplo, 8 entre 10 pequenos e médios empreendedores utilizam os Correios como opção para as entregas. Com relação à prestação de serviços, os Correios são opção para o pagamento de contas, a regularização de CPF, consulta Serasa, entre outros.
 Fonte: Associação dos Profissionais dos Correios Regional Minas Gerais

Comentários