O Brasil derrotou o Chile por 3 a 0 no Estádio Nacional, em partida válida pela sétima rodada das eliminatórias da Copa do Mundo de 2010. Com o resultado, a seleção salta para a segunda posição da tabela, enquanto o Chile é o sexto. Os autores dos gols foram Robinho e Luis Fabiano duas vezes.
O próximo jogo do Brasil será na quarta-feira, contra a Bolívia, enquanto o Chile pega a Colômbia no mesmo dia.
Brasil começa bem
Os primeiros momentos do jogo são de pouca animação. As jogadas dos dois lados são bem tímidas e não oferecem perigo aos goleiros nem emoção aos torcedores. Mas não demora para que o Brasil faça ataques mais fortes. Usando bem os passes de Ronaldinho Gaúcho e a velocidade de Robinho, a seleção mostra um bom futebol.
E o primeiro fruto disso chega aos 21 minutos da partida: Ronaldinho cobra uma falta de longe com um lançamento longo e preciso, que aterrissa na cabeça de Luis Fabiano, que manda para as redes chilenas. O primeiro gol brasileiro causa um alvoroço no time chileno e os atacantes partem com tudo, mas chutam de longe, sem chances de emptar.
E aos 33 minutos, aparece uma chance de aumentar a vantagem brasileira: Diego é derrubado na área, com um chute de sola nas costelas. Para cobrar o pênalti, Ronaldinho Gaúcho faz um bom chute, mas a defesa de Claudio Bravo é bem melhor e a bola vai para o escanteio.
No resto da primeira etapa, o Brasil praticamente dominou a partida, atacando bastante. Para selar o primeiro tempo, Luis Fabiano faz um belo passe para Robinho aos 44 minutos, e o gol fica fácil para o atacante. O Brasil volta para os vestiários com o placar de 2 a 0.
Consolidando a vitória
Logo no primeiro minuto da partida, Kléber faz uma falta e é expulso – o jogador já estava amarelado. Com um a menos, o Brasil sofre bastante com a pressão chilena, que continua até o momento em que Valdivia, aos 17 minutos faz falta grave em Luis Fabiano e é expulso. A torcida brasileira grita o nome do jogador, provocando: Eiro, Eiro, o Valdivia é brasileiro.
A situação se reequilibra com a expulsão do Chileno, mas não demora para que os brasileiros retomem o ritmo de jogo e comece a atacar bastante, criando grandes chances de gol, mas errando mais do que acertando. Ainda assim, aos 37 minutos, Luis Fabiano recebe na área, perde a posse de bola, recupera na raça e marca o terceiro gol do Brasil.
A partida termina com 3 a 0, a primeira vitória do Brasil fora de casa.

Comentários
COMPATILHAR: