A partir desta semana, um ônibus vai ser usado como unidade móvel para vacinação contra o Coronavírus e a H1N1 em cidades mineiras. O “Busão da Vacina” foi apresentado, nesta quarta-feira (16), na Cidade Administrativa, em Belo Horizonte.

O ônibus foi transformado para atender a população, sendo disponibilizadas três salas para aplicação de imunizantes, três mesas para cadastro de cidadãos e testes rápidos, 20 cadeiras para espera e duas tendas para cadastros.

O veículo foi doado pela Mercedes-Benz e pela Câmara de Comércio Brasil-Alemanha, e a ação foi possível devido à parceria entre a Cruz Vermelha Brasileira – Filial Minas Gerais e o governo do Estado e com a Secretaria de Saúde ficando responsável pela execução da logística das viagens, testes rápidos, aferição de pressão arterial e apoio psicossocial.

“Nosso objetivo é auxiliar as prefeituras nas ações de imunização de várias doenças a acessar a população que se encontra impossibilitada de se deslocar ou aquelas em situação de vulnerabilidade social, alcançando um maior número de pessoas imunizadas”, destaca Ricardo Oliveira, Conselheiro Estadual da Cruz Vermelha Brasileira – Filial Minas Gerais, em comunicado enviado à imprensa.

Dezesseis voluntários da Cruz Vermelha Brasileira começaram a receber treinamento para o manuseio dos equipamentos do veículo e para dar orientações relacionadas à prevenção e aos protocolos de segurança adotados pelo Ministério da Saúde.

Cada prefeitura que receber o Busão da Vacina vai ser responsável por disponibilizar os imunizantes e os profissionais para aplicar as doses.

O nome da primeira cidade que vai receber o veículo não foi divulgado.

Fonte: O Tempo

Comentários
COMPATILHAR: