É comum a rivalidade entre cães e gatos, mas em Pains, essa realidade é bem diferente. A cadela Crika, que nunca procriou, adotou um filhote de gato e eles vivem em perfeita harmonia na casa de Maria Judite Duque, dona da cadela.
Maria encontrou o gatinho no quintal e com dificuldades para se locomover. ?Assim que ele apareceu aqui em casa ela já o adotou. Onde o filhote vai a Crika vai atrás?, contou Maria.
Além de cuidar, Crika amamenta o gato. ?Se ele quer mamar, vai para uma caixa improvisada no quintal de casa e a Crika vai lá cumprir o dever de mãe. Parece inacreditável, mas a cadela tem leite sim?, afirmou Judite.
Ainda sem nome, o gato convive com outros animais da casa como galinha, papagaio e outros cães. ?Ele não tem nome ainda não, pois não sei se é macho ou fêmea. Mas na hora de dar um nome tem que ser um bem ?pititico? para combinar com o bichinho, disse.
Quem não está gostando nada dessa situação é a Meg, mãe da Crika. ?A vovó adotiva do gatinho fica com ciúmes e late muito enquanto a Crika amamenta. Ela sabe que o gato não pode ser filhote dela não é mesmo??, finalizou Judite.

Comentários
COMPATILHAR: