No dia 29 de dezembro, a Prefeitura de Formiga recebeu um ofício da Caixa Econômica Federal comunicando a liberação da 1ª parcela (R$200 mil) dos recursos que serão destinados à modernização e compra de equipamentos para o Banco de Alimentos. O restante dos recursos (R$70 mil) será liberado de acordo com a realização das obras e com o cronograma aprovado, após vistoria pelo setor de engenharia da Caixa Econômica.
A Secretaria de Desenvolvimento Humano enviou o projeto para o Edital MDS/SESAN nº5/2009 ? Implantação e Ampliação/Modernização do Banco de Alimentos. No dia 23 de junho de 2009, a administração municipal recebeu a notícia de que o projeto havia sido habilitado e selecionado pelo governo federal. Formiga ficou entre os sete projetos selecionados de Minas Gerais.
De acordo com a Secretaria de Comunicação, o município foi aprovado por estar dentro dos critérios de pontuação exigidos, como 100% da meta de cobertura do Bolsa Família, percentual de famílias incluídas no cadastro Bolsa Família e existência do Conselho Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional (Comsea).
Com esta verba, serão construídos um muro para isolar a quadra esportiva do bairro Água Vermelha, que existe ao lado do Banco de Alimentos, e um auditório que servirá também como sala de capacitação profissional e espaço de assistência nutricional para usuários e entidades cadastradas.
Segundo informações da Secretaria de Comunicação, novos equipamentos serão comprados para aprimorar ainda mais os trabalhos da unidade. Dentre eles, estão mais uma câmara fria, que servirá para estocar os alimentos que chegam e os não higienizados. A outra, já existente, ficará para os alimentos que já passaram pelo processo de higienização. Também serão comprados uma lavadora de alta-pressão, multi-processador de vegetal, desidratadora de frutas, envazadora semi-automática, liquidificador industrial, processador de alimentos, aparelhos de TV, DVD e data-show.

Comentários
COMPATILHAR: