A Companhia Energética de Minas Gerais ? Cemig assinou, nesta quinta-feira (12), no Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais (TRE-MG), convênio de cooperação mútua e fornecimento do suporte necessário para a realização das eleições de 2008. A parceria prevê, por parte da Cemig, garantir a energia elétrica necessária aos trabalhos de votação e apuração nos municípios que fazem parte da área de concessão da empresa. São 40 mil urnas eletrônicas distribuídas em 9.500 pontos de votação, 354 pontos de transmissão de dados, apuração e divulgação de resultados em 557 cartórios eleitorais, nos 774 municípios da área de concessão da empresa.
Além disso, a Cemig implantou um plano especial de contingência, envolvendo, aproximadamente, 1.300 empregados entre atendentes, agentes comerciais, eletricistas e técnicos de operação, para atendimento às demandas emergenciais nos locais de votação, transmissão de dados, apuração e divulgação de resultados das eleições.
?Iremos garantir o funcionamento das urnas eletrônicas nas seções que possuem energia elétrica, priorizar o restabelecimento do fornecimento de energia caso haja interrupção acidental nos locais de apuração e totalização dos votos e durante a transmissão de dados ao TRE/MG e, também, durante a divulgação dos resultados parciais e finais da eleição?, afirma o gerente de Relacionamento com o Poder Público, Márcio Barbosa de Rezende.
As escolas situadas em área urbana e rural, locais onde geralmente são instaladas as urnas eletrônicas, já possuem energia elétrica. Essa expansão foi proporcionada através do Programa Luz no Saber, implantado pelo Governo do Estado em parceria com a Cemig.

Comentários