A comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa de Minas Gerais realiza, nesta semana, mais duas audiências no interior de Minas Gerais, buscando colher subsídios para a realização do Fórum Técnico ?Segurança pública: drogas, criminalidade e violência?, que acontecerá de 11 a 13 de agosto, no Plenário. O auditório onde será realizada a audiência fica na avenida Engenheiro Benjamin de Oliveira, 144/A, Esplanada.
Desde agosto de 2009, a comissão tem feito visitas a cidades que são sedes de Regiões Integradas de Segurança Pública (Risp). A intenção inicial era visitar as 16 sedes, mas, durante os trabalhos, outras duas foram criadas – Pouso Alegre e Poços de Caldas -, elevando-se para 18 o número de sedes. Além disso, a comissão visitou Manhuaçu e visitará Betim, cidades que estão distantes de suas sedes e apresentam problemas importantes na área de segurança. Serão, portanto, 20 audiências para ouvir de autoridades e moradores das regiões os problemas e avanços na segurança pública e as sugestões para aprimorar as políticas nessa área.
Durante o Fórum Técnico, expositores falarão sobre temas como crime organizado, tráfico de drogas e os desafios à segurança pública; criminalidade e drogas: estratégias de prevenção, intersetorialidade e tratamento da dependência química; além sobre debater direitos fundamentais, grupos vulneráveis e violências. As exposições vão subsidiar a atuação dos grupos de trabalho, que discutirão o tema e também serão responsáveis por votar e priorizar propostas vindas das chamadas Comissões Técnicas Interinstitucionais (CTIs), com integrantes definidos pelas entidades parceiras.
No último dia do evento, será votado o documento final do fórum, além de eleitos os integrantes da comissão de representação, encarregada de acompanhar os desdobramentos do evento e cobrar pela implementação das propostas aprovadas.
Convidados
São aguardados na de Divinópolis o presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Sérgio Antônio de Resende; o procurador-geral de Justiça, Alceu José Torres Marques; o superintendente regional do Departamento de Polícia Federal em Minas Gerais, Jerry Antunes de Oliveira; o superintendente da Polícia Rodoviária Federal em Minas Gerais, Waltair Vasconcelos Sobrinho; os secretários de Estado de Defesa Social, Moacyr Lobato de Campos Filho; de Educação, Vanessa Guimarães Pinto; de Desenvolvimento Social, Ana Lúcia Gazzola; de Esportes e da Juventude, Alberto Rodrigues; e de Saúde, Antônio Jorge de Souza Marques; o comandante-geral da Polícia Militar, cornonel Renato Vieira de Souza; o comandante-geral do Corpo de Bombeiros, coronel Gilvan Almeida Sá; o chefe de Polícia Civil, Marco Antônio Monteiro de Castro; o defensor público-geral, Belmar Azze Ramos; o subsecretário de Estado de Políticas Antidrogas da Secretaria de Estado de Esportes e da Juventude, Cloves Eduardo Benevides, e o coordenador do Centro de Estudos de Criminalidade e Segurança Pública da UFMG, Cláudio Chaves Beato Filho.

Comentários