Em 2010, a Emater-MG capacitou 5.353 agricultores beneficiários do programa Minas Sem Fome, superando a meta estabelecida para o ano. O Minas Sem Fome é um programa estruturador do Governo de Minas que busca garantir segurança alimentar, redução da pobreza no campo e a inclusão de pequenos agricultores e pecuaristas na cadeia produtiva. Para 2011, está previsto a realização de quase 900 cursos que devem capacitar 9.100 agricultores rurais. O início dos cursos está programado para fevereiro.
No ano passado, foram realizadas 515 ações de capacitação dentro do Minas Sem Fome, entre cursos, treinamentos e palestras, totalizando uma carga horária de 6.180 horas/aula. O trabalho procurou contemplar os diversos setores da atividade como agricultura, pecuária, agroindústria, extrativismo, silvicultura, segurança alimentar e nutricional, saneamento básico, artesanato, organização comunitária, entre outros. ?Os extensionistas e coordenadores técnicos fizeram um trabalho integrado e contínuo de atualização e busca de novos focos de atuação, sempre privilegiando a realidade e potencialidades de cada região?, explica a coordenadora técnica da Emater-MG, Márcia Pimentel.
Segundo Márcia, a capacitação das famílias rurais se tornou uma das prioridades do programa Minas Sem Fome para que o agricultor e seus familiares consigam permanecer no campo com qualidade de vida e renda. ?O programa de capacitação é a base para a profissionalização do produtor e por isso é uma importante ferramenta para a melhoria da renda do agricultor?, argumenta a coordenadora.
Entre os temas que devem ser abordados nas capacitações desse ano estão: manejo básico de pastagens, cultivo de plantas medicinais, gestão ambiental, produção de milho e feijão, educação alimentar, hortas e pomares domésticos, apicultura, criação de galinhas caipiras, criação de porcos e processamento de alimentos. ?O programa Minas Sem Fome trabalha com um portfólio de quase 80 cursos diferentes oferecidos sob demanda e em parceria com outras entidades?, explica Márcia.
O programa Minas Sem Fome está presente em 776 municípios do Estado. Entre as principais ações do programa estão a distribuição de sementes, implantação de hortas e sistemas comunitários de abastecimento de água e a entrega de tanques de resfriamento de leite. Em sete anos de programa foram investidos R$ 90 milhões.
Em 2011, o Governo de Minas vai investir cerca de R$ 8,4 milhões de reais no Minas Sem Fome. A meta é atender 280 mil famílias. O calendário de cursos de capacitação será disponibilizado no endereço eletrônico da Emater-MG (www.emater.mg.gov.br).

COMPATILHAR: