Em abril de 2009, a Câmara Municipal implantou o Portal da Transparência, um canal pelo qual o cidadão pode acompanhar os gastos financeiros dos vereadores. No portal, estão disponíveis informações mensais sobre diárias, telefonemas e resumos referentes às viagens dos edis, uma ferramenta para o cidadão ficar sabendo como o dinheiro público está sendo utilizado e como forma de fiscalizar a correta aplicação da verba do Legislativo.
Conforme as planilhas disponibilizadas no Portal da Transparência, os vereadores gastaram no primeiro semestre deste ano R$39.559,60, considerando os gastos das diárias de viagens dos vereadores; diárias de viagens de servidores a serviço dos vereadores; pedágios; hospedagens, cursos e outros serviços de terceiros (viagens); passagens e despesas com locomoção; ligações telefônicas e Correios. Somando esses itens às despesas com combustível, eles gastaram, juntos, R$ 57.827,37.
O valor previsto para as diárias dos vereadores em 2011 é de R$43.200, com média de R$392,73 mensais para cada vereador. Com diárias de funcionários a serviço dos vereadores foram gastos R$7.640. Não foi previsto um valor anual para essas despesas dos servidores.
Com pedágios, o valor anual previsto é de R$R$6 mil e foram gastos no primeiro semestre de 2011 o total de R$2.328,80. As despesas com hospedagem, cursos e outros serviços de terceiros estão estimadas em R$5.000 ao ano, somaram apenas R$1.188 no primeiro semestre. Já com passagens e despesas com locomoção, os edis consumiram R$1.284,76, o valor anual previsto é de R$7 mil.
Assim como no ano passado, os gastos com combustível surpreendem e foram os mais elevados, totalizando R$ 18.267,77 no primeiro semestre; o estimado para todo o ano é R$47.895,60. Com ligações telefônicas, os edis gastaram R$4.953,95. Ainda podem fazer muitas ligações para atingirem os R$45.600 previstos para 2011. As despesas com os Correios somaram R$3.504,09, do total estimado de R$12 mil para o ano todo.
Nos primeiros seis meses de 2010, os gastos dos vereadores foram de R$R$53.162,69 a diferença para os primeiros seis meses de 2011 é de R$ 4.664,68, o que corresponde a 8.77%.
Os campeões de gastos
Com base nos relatórios mensais no Portal da Transparência, a redação do jornal Nova Imprensa e do portal Últimas Notícias somou os gastos para identificar as despesas de cada vereador no primeiro semestre deste ano. O ex-vereador peemedebista Moacir Ribeiro foi o que mais gastou, R$8.478,53. Eugênio Vilela/PV foi o edil que menos gastou no primeiro semestre de 2011, R$557,07.
Tanto em 2009, quanto no ano passado, o campeão de gastos foi o vereador Mauro César/PMDB. Confira na tabela abaixo os gastos de cada legislador nos primeiros seis meses deste ano.

Comentários
COMPATILHAR: