Uma mulher, de 24 anos, foi presa em Arcos nesta segunda-feira (15), após ofender a honra de policiais militares que prestam serviço em Arcos, em uma rede social.
A atitude de desrespeito às autoridades constituídas começou com uma ocorrência de trânsito, um atropelamento no bairro Sol Nascente. O condutor do veículo fugiu do local sem prestar socorro à vítima.
Quando a PM foi informada, o policial que atendeu ao chamado acionou rapidamente a ambulância, que em poucos minutos socorreu a vítima e a encaminhou ao Hospital São José.
A solicitante foi orientada a aguardar a viatura no hospital, mas inconformada, deu início a uma postagem recheada de palavras ofensivas, tornando públicas as agressões verbais por meio da rede social.
No hospital, os policiais colheram a versão dos envolvidos no atropelamento e ao questionarem a responsável pelos insultos, ela se responsabilizou pelo ato e disse não estar arrependida, ficando exaltada com os militares quando soube que o telefone celular dela seria apreendido.
A mulher recebeu voz de prisão por desacato e foi conduzida para a Delegacia. O celular usado para efetuar as postagens foi apreendido.
O comandante da Companhia explica que tomará providências para que a responsável seja punida, dentro da lei, caso não se retrate e peça desculpas pela ofensa.

Comentários