O ex-candidato a vereador de Nova Serrana, nas Eleições de 2012, pelo Partido Republicano Progressista (PRP), Nilton Fernandes dos Santos, conhecido como “Niltinho”, foi preso na sexta-feira (12) na comunidade de Cachimba, na zona rural de Divinópolis. Ele é suspeito de matar o ex-sogro.

De acordo com o portal G1, a informação foi confirmada pela Polícia Militar de Meio Ambiente (PMMA) nesta segunda-feira (15).

Nilton foi candidato a vereador da Câmara de Nova Serrana em 2012 e suplente na administração 2013/2016.

De acordo com a PMMA, Nilton foi abordado por militares do Grupo Especial de Policiamento Ambiental (Gepam) durante um patrulhamento e, após consulta ao sistema, os militares constataram um mandado de prisão em aberto contra o homem, de 43 anos, por um homicídio registrado em Malacacheta, na região dos Vales de Minas, em 2015. Ele era considerado foragido da Justiça.

Após a consulta, Nilton recebeu voz de prisão e foi  encaminhado para a Delegacia de Divinópolis.

O crime

De acordo com o Registro de Eventos de Defesa Social (Reds) da Polícia Militar (PM), Nilton é suspeito de matar o ex-sogro, de 62 anos, e tentar matar a ex-sogra, de 64 anos, à época dos fatos.

Conforme o registro, em novembro de 2015, Nilton teria chegado à casa dos ex-sogros armado. A ex-esposa do homem relatou à polícia que ele teria ido ao local matá-la, pois ela havia terminado o relacionamento que mantinha com ele e ido morar com os pais. A mulher relatou que, desde que havia se mudado de Nova Serrana para a casa dos pais, em Malacacheta, vinha sendo ameaçada por Nilton.

O registro afirma que Nilton tentou entrar na residência por uma janela e foi abordado pelo ex-sogro, que tentou impedi-lo, foi baleado e morreu no local. A ex-sogra de Nilton, que também foi baleada na ação, foi levada por terceiros a um hospital.

Após o crime, o homem fugiu em uma caminhonete sentido à MG-217 e era procurado desde então.

 

 

 

Fonte: G1||

Comentários
COMPATILHAR: