Ferrari acerta com Massa até 2010. Uma boa notícia para Felipe Massa às vésperas do GP Brasil. A escuderia Ferrari anunciou nesta terça-feira em um comunicado oficial que renovou com o piloto brasileiro até o final da temporada de 2010. O acerto com a equipe italiana abafa os rumores que colocavam Massa na Toyota, sendo substituído pelo espanhol Fernando Alonso.
Massa, que está na Ferrari desde 2001, pilotou nos dois últimos anos um dos carros da escuderia no Mundial de Fórmula 1, com a qual disputou 34 Grandes Prêmios, com cinco vitórias, 16 vezes no pódio e 25 na zona de pontos.
Razões de desentendimento:
O desentendimento entre o bicampeão Fernando Alonso e o chefe da McLaren, Ron Dennis, fazia surgir a especulação de que o espanhol seria o companheiro de Kimi Räikkönen na Ferrari, enquanto Massa defenderia a Toyota na temporada de 2008. No final de setembro, entretanto, o brasileiro afirmou que terminaria sua carreira no cockpit da escuderia italiana, deixando de lado os boatos iniciais.
Na última semana, os rumores sobre transferências acabaram sendo desmentidos com convicção pelo diretor esportivo da Ferrari, Jean Todt. Na ocasião, ele afirmou que a equipe italiana tinha firmado compromisso com os dois pilotos. Räikkönen, inclusive, assinou contrato até o final da temporada de 2009.
Massa pode ajudar companheiro na luta pelo título
No próximo fim de semana, Felipe Massa vai em busca da sua segunda vitória no Grande Prêmio do Brasil, etapa que definirá o campeão da temporada 2007. Fora da briga pelo título, o brasileiro terá como função ajudar seu companheiro Kimi Räikkönen, que apesar de não ser considerado favorito para a prova, ainda sonha com a conquista do Mundial de Pilotos.
O inglês Lewis Hamilton, da McLaren, lidera o Mundial de Pilotos, seguido de perto pelo seu companheiro equipe, Fernando Alonso. Räikkönen, da Ferrari, vem logo atrás.

COMPATILHAR: