Finalistas da Copa do Brasil, Atlético e Athletico-PR se enfrentam nesta terça-feira (16), às 16h, em Curitiba, pelo Campeonato Brasileiro. Mas Galo e Furacão vão medir forças em condição diferente da que será lá nos dias 12 e 15 de dezembro, quando se encontrarão para decidir o torneio nacional. Isso porque, para o duelo desta tarde, o time alvinegro tem algumas baixas, mas quer aproveitar que vai enfrentar os reservas do rubro-negro, que está de olho na final da Copa Sul-Americana.

Como vai enfrentar o Red Bull Bragantino no próximo sábado (20), no Uruguai, pela decisão em jogo único da Sul-Americana, o Athletico-PR vai priorizar o torneio internacional. Desta forma, na teoria, o time alvinegro pode ter a vida facilitada para ir em busca de mais três pontos fora de casa – seria a oitava vitória como visitante na competição – o que deixaria o clube ainda mais perto de ser campeão brasileiro.

Embalado por três triunfos seguidos (Grêmio, América e Corinthians), todos no Mineirão, o Atlético lidera o Brasileirão com 68 pontos, oito a mais que o Flamengo, segundo colocado. Já o Athletico-PR ocupa a 11ª posição, com 41 pontos.

Chance de desempate no histórico do confronto

Dono do segundo melhor aproveitamento como visitante no Campeonato Brasileiro (55,56%), o Galo tentará desempatar o histórico do confronto diante do rubro-negro. Em 51 jogos na história da competição, são 21 vitórias para cada lado e nove empates.

Em Curitiba, o Galo tem ótimo retrospecto considerando os últimos quatro jogos contra o Athletico-PR, na Arena da Baixada. Foram três vitórias (2017, 2018 e 2020) e apenas uma derrota (2019).

Volta de Mariano e sem Nacho

Para encarar o Athletico-PR, o técnico Cuca terá a volta do lateral-direito Mariano, recuperado de dores na coxa esquerda. No entanto, o retorno ao time titular ainda é incerto. Desta forma, Guga também pode aparecer entre os 11 iniciais.

Por outro lado, o Galo segue sem poder contar com o meia Nacho Fernández. O argentino ficou em Belo Horizonte aprimorando a parte física. O camisa 26 é desfalque há quase duas semanas. A última partida foi na vitória por 2 a 1 sobre o Grêmio, no Mineirão, no dia 3 de novembro.

Outra baixa é o lateral-esquerdo Guilherme Arana, que cumprirá suspensão pelo terceiro cartão amarelo. Assim, Dodô, que foi titular no jogo do primeiro turno em que o Galo venceu por 2 a 0 no Mineirão, começará a partida.

O time alvinegro segue ainda sem contar com quatro selecionáveis: o zagueiro Junior Alonso (Paraguai), o meio-campista Alan Franco (Equador) e os atacantes Vargas (Chile) e Savarino (Venezuela), que estão na disputa das Eliminatórias, além do avançado Sávio, na Seleção Brasileira sub-17.

Informações do Furacão

A principal novidade na equipe rubro-negra é a volta do lateral-esquerdo Nicolas, que se recuperou de lesão na coxa e não atuava desde o dia 9 de outubro. Contra o Atlético, o jogador será improvisado na zaga, que não terá o zagueiro Thiago Heleno, suspenso pelo terceiro cartão amarelo.

O lateral-esquerdo Abner, que cumpriu suspensão na derrota para o Internacional em Porto Alegre, volta a ficar à disposição, mas será um dos poupados pelo técnico Alberto Valentim.

Recuperados de pancadas no joelho e tornozelo, o volante Erick e o meia Fernando Canesin estão de volta. O armador deve ser titular contra o Galo.

ATHLETICO-PR X ATLÉTICO

Athletico-PR: Bento; Zé Ivaldo, Lucas Fasson e Nicolas; Khellven, Christian, Fernando Canesin (Jader) e Pedrinho; Pedro Rocha, Carlos Eduardo e Bissoli. Técnico: Alberto Valentim

Atlético: Everson; Mariano (Guga), Nathan Silva, Réver e Dodô; Allan, Jair e Zaracho; Hulk, Keno e Diego Costa. Técnico: Cuca

Motivo: 33ª rodada do Campeonato Brasileiro
Data: 16 de novembro de 2021, terça-feira, às 16h
Local: Arena da Baixada, Curitiba (PR)

Árbitro: Savio Pereira Sampaio (DF)
Auxiliares: Daniel Henrique da Silva Andrade (DF) e José Reinaldo Nascimento Júnior (DF)
VAR: Daniel Nobre Bins (RS)

Fonte: Itatiaia

Comentários
COMPATILHAR: