Caminhoneiros aderiram a greve e estão parados na BR-354 no município de Arcos desde as 6h desta terça-feira (2). As Polícias Rodoviária e Militar estão no local.
Os grevistas pedem a baixa do óleo diesel, das taxas de pedágio na MG-050, além do aumento do valor do frete. De acordo com os caminhoneiros, o movimento é pacífico. Segundo o caminhoneiro João Gomes, 37 anos de profissão, o pedágio da MG-050 aumentou R$0,20, nesta madrugada, o que causou mais indignação entre os manifestantes.
Veículos de pequeno porte, motocicletas e ônibus não estão sendo impedidos de passar. Representantes de algumas transportadoras locais apoiam o movimento, que se concentra no pátio de um posto de combustível às margens da rodovia. Cerca de 300 veículos já pararam.
Por causa da paralisação, o trânsito de caminhões e carretas aumentou dentro da cidade, já que, alguns motoristas tentam seguir viagem. Por volta de 11h, um grupo de manifestantes fechou a BR-354, no trecho que da acesso à cidade de Iguatama.
Segundo os manifestantes, em Candeias, Campo Belo, Piumhi e Nova Serrana, caminhoneiros também já aderiram à paralisação.

Comentários
COMPATILHAR: