Por volta das 5h55 de sábado (13), a Polícia Militar de Arcos foi chamada a comparecer à rua Maria Teresa de Jesus, no bairro Esplanada. Um indivíduo estava caído no chão, já sem vida, com várias perfurações no corpo.
Uma testemunha contou que, por volta das 5h30, ouviu vários disparos de arma de fogo e que, ao chegar à, rua viu um indivíduo convergindo em uma moto na rua José Valadão de Melo, sentido ao Posto Esplanada. A vítima foi identificada como Claudinei Cândido, de 32 anos, mais conhecido como Paulista. O local foi isolado e a perícia acionada. Em seguida, o corpo foi liberado para a funerária local.
Na terça-feira (16), por volta das 6h, uma equipe composta por oito militares foi verificar uma denúncia sobre o paradeiro do suspeito do homicídio. Segundo informações da Polícia Militar, alguns indivíduos estavam se organizando para ?vingar a vítima?, invadindo a casa do indivíduo, com o intuito de matá-lo
Os militares se deslocaram até a avenida Real, no bairro Esplanada, e em contato com o suspeito, de 28 anos, este confessou ter matado Claudinei Cândido. O acusado também relatou aos militares que no dia do crime estava indo para casa, na motocicleta Honda CG 125, placa GRH-7652, e, ao passar na rua Teresa de Jesus, próximo a um estabelecimento comercial, a vítima o ameaçou com os dizeres: ?sua hora tá chegando?. Devido a esse fato, o acusado ficou com medo, foi até a casa dos pais, pegou o revólver e voltou para encontrar a vítima, que estava subindo a rua.
O suposto autor disse que parou atrás da vítima e efetuou os disparos em suas costas. Ele informou ainda onde havia escondido a arma do crime, às margens de uma estrada vicinal, sendo localizado o revólver marca Trust, nº 26614, com seis cartuchos.
De acordo com o Boletim de Ocorrência 798/10, a arma foi apreendida sendo dada voz de prisão em flagrante ao indivíduo, que foi encaminhado à Delegacia de Polícia.

Comentários