Um homem, que obrigou a vítima a tirar a roupa e se colocar numa posição constrangedora e que se masturbou diante da mulher, foi preso cerca de cinco horas depois de cometer o crime, na rua Gabriela Varela, no bairro Tupi, zona norte de Belo Horizonte.

Era por volta de 3h50 da madrugada desta sexta-feira (17), segundo a vítima, quando escutou um barulho de um objeto caindo no quintal de casa. Ela resolveu verificar do que se tratava, e se deparou com um homem, que a obrigou a entrar em casa.

No interior da residência, o homem começou a vasculhar móveis e pegou um notebook e uma mochila.

Antes de fugir, o suspeito obrigou a vítima a tirar a roupa, ameaçando a mulher de morte, dizendo que estava armado.

Assim que ela ficou nua, ele também tirou a roupa. Em seguida, a obrigou a ficar de quatro, no sofá. Nesse momento, o homem começou a se masturbar. Quando terminou, disse para a mulher que voltaria e a mataria se ela o denunciasse à polícia.

A vítima esperou o tempo passar e entrou em contato com a Polícia Militar. Diante da descrição do suspeito, os policiais da viatura coordenada pelo tenente Lucas, conseguiram localizar a casa de um homem que tinha os mesmos traços.

Os policiais o flagraram se escondendo em uma casa vizinha.

Ele foi preso e levado para a Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam).

 

Fonte: Estado de Minas

 

COMPATILHAR: