Um homem, de 40 anos, morreu após cair do terceiro andar de um prédio, nesta quarta- feira (12), em Oliveira. Após o fato, a família da vítima reclamou de demora por parte do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Em nota, o serviço afirmou que compreende a dor da família e que a guarnição levou quatro minutos para chegar ao local do acidente.

Segundo informações da Polícia Militar, provavelmente o trabalhador passou mal enquanto trabalhava na obra e caiu do terceiro andar. A perícia afirmou que a vítima não estava usando os equipamentos de segurança necessários, porém o dono da obra disse aos policiais que disponibiliza todos os equipamentos para os funcionários.

Em nota, o Samu afirmou que o tempo de deslocamento até o local do fato ocorreu em quatro minutos, sendo que o trajeto foi feito da base até a rua Rodolfo Ferreira Pacheco, no bairro Sianinha. Ao chegar ao local, o Corpo de Bombeiros já havia removido a vítima acidentada e, por isso, não foi possível fazer o pré-atendimento.

Ainda foi ressaltado que o Samu é um serviço de atendimento pré-hospitalar que realiza atendimentos no local dos fatos. A unidade que foi até o local do acidente estava com uma médica, um enfermeiro e um condutor socorrista.

 

Fonte: G1 ||

COMPATILHAR: