Um homem, ainda não identificado, mas que aparentava ter entre 25 e 30 anos, morreu com queimaduras provocadas por um incêndio que ocorreu em um motel, no centro de Belo Horizonte, no sábado (16). Ele deu entrada no estabelecimento acompanhado de uma garota de programa.

De acordo com informações da recepcionista do espaço repassadas à Polícia Militar, o homem deu entrada no local por volta das 18h com a acompanhante. Passado algum tempo, a mulher deixou o local afirmando que faria um lanche. 

A recepcionista informou que, algum tempo depois, alguns dos hóspedes a acionaram falando que um dos quartos estaria pegando fogo e que havia uma pessoa pedindo por ajuda. Então, a mulher acionou os militares.

A PM localizou a vítima dentro do quarto debaixo de um chuveiro ligado e inconsciente. O Corpo de Bombeiros esteve no local e resgataram o homem, que foi levado para o Hospital João XXIII com ferimentos graves. A vítima não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

Segundo o Corpo de Bombeiros, o incêndio se concentrou apenas no quarto. Um outro casal foi socorrido, mas não teve ferimentos. O local não tem controle de identificação e confere apenas se os hóspedes são maiores de idade.

Ainda de acordo com a Corporação, o edifício não possui Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB) nem dispositivo de combate a incêndios.

O caso foi encerrado na 4ª Delegacia de Plantão de Polícia Civil do centro.

Fonte: O Tempo

Comentários