A reunião entre o prefeito Aluísio Veloso e o empresário Newton Paiva contou também com a participação do vereador Mauro César, dos secretários de Desenvolvimento Econômico e Parcerias, Paulo César Rodrigues, e de Comunicação, Túlio Fonseca; do assessor da empresa, Jader Sobrinho, e do advogado Antônio Monteiro.
Newtom Paiva falou que o investimento em Formiga será de aproximadamente R$ 3 milhões para uma linha de produção com capacidade diária prevista para 3 mil quilos de iogurte em bandejas, 2 mil quilos de doce de fruta em pasta, 2 mil quilos de doce de leite em pasta, 2 mil quilos de requeijão cremoso, 5 mil litros de leite pasteurizado em saquinhos, 3 mil litros de bebida láctea em garrafa, 2 mil quilos de manteiga e 2 mil quilos de leite em pó. Para isso, calcula-se o consumo de 200 mil litros de leite ao dia. ?Poderemos multiplicar toda essa produção por seis se trabalharmos 24 horas por dia? .
Ele comentou que para a produção de doces de frutas, Formiga tem uma posição geográfica privilegiada. ?A melhor que se pode imaginar. A distância do município dos grandes distribuidores da Ceasa é a mesma. Portanto, poderemos comprar de Campinas, Belo Horizonte ou Uberlândia? , comenta o empresário.
O próximo passo, segundo Newton Paiva, é contratar a empresa de construção civil. Newton pediu ao vereador Mauro César para identificar possíveis empresas formiguenses para execução da obra.
O prefeito Aluísio Veloso ressaltou que continua sendo parceiro da New Leite e que se o empreendimento sair ainda em seu mandato ficará muito feliz. ?De qualquer forma é um presente que deixaremos para o futuro de Formiga? , ressalta.
O secretário de Desenvolvimento Econômico se mostrou entusiasmado. ?Mais um projeto a caminho da geração de riquezas e empregos para o nosso município, não só para a população urbana, mas em especial para o nosso homem do campo? , conclui.

Comentários