Na tentativa de acabar com a ação dos cambistas e de trazer mais seguranças aos estádios de futebol, está em teste uma catraca com câmera para identificação facial do torcedor quando ele passa o cartão magnético. A novidade foi apresentada durante a Soccerex Global Convention, feira internacional de negócios do futebol, realizada no forte de Copacabana, no Rio de Janeiro.
A catraca já será utilizada em caráter experimental no Engenhão e no Pacaembu no início de 2011, provavelmente nos campeonatos estaduais. O euipameno permite por meio de uma câmera interna de alta definição, interligada a uma central de segurança do estádio, mostrar quem é o torcedor que está chegando para assistir aos jogos.
Essa tecnologia está associada ao uso de cartões personalizados. ?Quando o torcedor, de posse de seu cartão, passar pela catraca pela primeira vez, vai ter a imagem do rosto cadastrada com dados pessoais?, disse Walter Balsimelli Neto, que preside a BWA, empresa responsável por ingressos e controle de acesso a eventos e coautora do projeto, em parceria com a Axis Communications, que devolveu a câmara acoplada à catraca.

Comentários
COMPATILHAR: