No mês de março será lançada em Formiga a publicação ?A mágica do saber?, uma apostila elaborada por nove professoras da rede municipal de ensino. O material servirá como guia para alunos do 2º período de educação infantil e para profissionais que trabalham com essas turmas.
De acordo com o secretário de Educação, Geraldo Reginaldo de Oliveira, até o ano passado, as professoras que lecionam para o 2º período da educação infantil na rede municipal de ensino trabalhavam em cima de tópicos, sem uma padronização. Isso acontecia porque o Ministério da Educação não disponibiliza material didático para essas turmas.
Há cerca de três meses, o secretário convocou uma reunião com 22 professoras que lecionavam para o 2º período na rede municipal. Na oportunidade, Geraldo Reginaldo lançou um desafio: as professoras deviam indicar nove colegas, consideradas as melhores do grupo. Essas nove professoras também receberam um desafio: criar uma apostila que iria nortear os trabalhos de todas as profissionais responsáveis pelas turmas do 2º período de educação infantil da rede municipal.
As professoras escolhidas e que elaboraram o material são: Ana Augusta de Castro Madureira, Eliana Maria Duque Carvalho, Elizabete Rodrigues de Moura, Flávia Inês Almeida, Juliana Martins Parreira, Shirley Vieira, Sônia Fátima da Cunha Melo, Tatiana Camargo França e Teresinha Camargo de Oliveira.
Desafio aceito, em três meses, o material foi entregue. Cada grupo de três professoras trabalhou em cima de uma disciplina, sendo: ciências e natureza, português e matemática. O material foi reunido e editado pela diretora de Gestão Educacional, Fátima Belo, que participou de uma série de capacitações do Ministério da Educação.
As profissionais elaboraram a apostila do aluno, com 226 páginas, e um manual para os professores, com 88 páginas. Para a elaboração da apostila ?A mágica do saber?, as profissionais tiveram como referência a Lei de Diretrizes para a Educação Infantil e Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional, além de uma série de outras publicações do Ministério da Educação e outros autores e profissionais da área.
Todos os alunos que estão no 2º período da educação infantil na rede municipal de ensino receberão a apostila, que será trabalhada no primeiro semestre deste ano.
?Este é o resultado de um trabalho coletivo que teve a participação da Secretaria Municipal de Educação e de um grupo de professores, que culminou com o resultado maravilhoso, do qual os maiores beneficiados serão os alunos da rede municipal de ensino. O maior propósito da nossa secretaria é oferecer uma educação de qualidade a todos?, comentou Geraldo Reginaldo.
Manual do Professor
O manual do professor, com 88 páginas, tem o objetivo de possibilitar aos profissionais informações gerais sobre o previsto na estrutura curricular, indispensável à consolidação de seu desempenho profissional.
As orientações que são apresentadas no manual constituem-se em indicações básicas para o melhor entendimento dos eixos norteadores das práticas pedagógicas da educação infantil, de acordo com o Referencial Curricular Nacional para a Educação Infantil, a resolução nº 5, de 17 de dezembro de 2009, que fixa as diretrizes para a educação infantil e a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional.
A publicação
A apostila ?A mágica do saber? é uma proposta inédita na região e também a primeira publicação da Secretaria Municipal de Educação dessa natureza. Segundo explicou o secretário Geraldo Reginaldo, no próximo mês, haverá uma nova reunião com as professoras do 2º período da educação infantil. Na oportunidade, os profissionais farão uma avaliação do material e começarão a discutir a proposta para uma nova apostila para o segundo semestre de 2011.
A publicação foi impressa pela Gráfica A Jato, empresa vencedora do processo licitatório. Questionado a respeito da continuidade desse projeto, o secretário Geraldo Reginaldo afirmou que, para o próximo ano, deverá ser criada também uma apostila para alunos e professores do 1º período da educação infantil da rede municipal.

Comentários
COMPATILHAR: