Troca-troca oficial

Está aberta a janela para que os políticos (candidatos) mudem de partido de acordo com suas conveniências. Tem muita gente descendo do muro e de olho na janela. Na Câmara Municipal se fala em mudanças de posição, de pelo menos meia dúzia de edis. Uns se agrupam outros se dividem! O multi secretário Gonçalo Faria (Coringa), segundo confirmou o presidente do PMDB local, Erasmo Espíndola, já há alguns meses, como bom político, antevendo suas reais chances, já havia se filiado ao partido do vice (governador).

 

Falha nossa?

A tentativa do Moa de chegar mais perto do povão, visitando as bases, ao que tudo indica foi precipitada e faltou inteligência no preparo dele e dos convidados. A turma lá da região do Vila Nova das Formigas o recebeu com muitas críticas e perguntas que o deixaram irritado e a troca de farpas, em especial colocando em cheque as afirmativas da autoridade, contou até com desmentidos. Tudo filmado e divulgado nas  redes sociais.

 

Sinceridade total

O líder do governo na Câmara, vereador Zezinho Gaiola vira e mexe, emite algumas opiniões dignas de serem registradas até no FEBEAPÁ, do Lalau Ponte Preta (se isto fosse possível). Nesta semana, ao defender os dignos colegas durante os comentários que tratavam da possibilidade de vingar o movimento que busca reduzir os salários dos edis, Zezinho soltou essa: “acho que o ideal seria voltarmos ao tempo do voluntarismo”.  A plateia ouviu alguém murmurar: “É mentira Terta”.

 

Reprovações no quesito Regimento Interno do Legislativo

O presidente da Câmara não mediu palavras ao criticar o prefeito Moacir Ribeiro quando reclamou de sua atitude mais que estranha, ao se valer do Judiciário, notificando aquela Casa sobre atraso na tramitação de projetos de interesse municipal. “Estamos dentro do prazo regimental. Se ele, que esteve aqui por 7 mandatos não conhece o Regimento, o problema é dele e de seus assessores”, disse.

 

Juarez sai em defesa do prefeito e é “atropelado”

Juarez tentou conciliar as coisas, até porque partiu dele a solicitação para que o tal projeto descesse para o Plenário e acabou sendo atropelado pelo presidente: “o senhor também não sabe o que está dizendo. Não conhece o regimento, os projetos serão apresentados na próxima reunião não porque o senhor pediu ou o prefeito assim quer. Os descerei porque a Mesa da Câmara, que é independente, assim irá determinar. Agora se eles serão ou não aprovados, são outros quinhentos” garantiu Piruca.

 

Constatação óbvia

O vereador Arnaldo Gontijo, ao tratar do assunto foi incisivo: “se é para atender tudo que vier de fora daqui, seja do Executivo, do Judiciário ou sabe-se lá de onde mais, é melhor fechar esta Casa. Respeitamos o Judiciário, o MP, mas na hora de votar ou não, só o faremos de acordo com nossas consciências, nunca como este ou aquele poder ou órgão querem. Na hora de justificar meu voto, o farei em plenário, de público. Não será em resposta a ofício seja lá de quem for”.

 

Filmes causam furor

A apresentação dos ‘filmetes’ em que o protagonista é o prefeito, que chamou os moradores do Vila Nova das Formigas e adjacências para ‘invadir’ a Câmara, como forma de pressionar o Legislativo a aprovar alguns projetos, segundo palavras do vereador Mauro César, “deverão resultar em medidas judiciais e até quem sabe, na cassação do prefeito”.

 

Transcrição parcial de uma das falas do prefeito

(…) Vai pra Câmara segunda-feira com cartolina, vai pressionar o seu vereador para que ele vote a favor deste bairro aqui. Vou entregar agora aqui 300 casas. São mais 300 famílias que vão ficar sem assistência (…).

 

Redes sociais na pauta

Juarez Carvalho respondeu, sem citar nomes, a uma internauta que teria por meio das redes sociais dito que um dos “bons serviços” que ele prestou a Formiga, no passado, foi trazer para a cidade a Penitenciária. Juarez insistiu em afirmar que por ele teríamos aqui apenas um Centro de Ressocialização e aconselhou a internauta a estudar melhor seu currículo e verificar o “tanto de serviços que prestou e melhorias que conseguiu para Formiga”.

 

Cras III

O Cras III (Centro de Referência de Assistência Social), que deveria estar funcionando há meses na região do Souza e Silva, ocupa o imóvel cedido pela Associação de Moradores daquele bairro e até hoje não funciona. Agora, o vereador Evandro Donizeth (Piruca) quer saber as razões do atraso.  O jornal entrou em contato com a Secretaria de Assistência Social e foi informado pelo secretário da pasta, Carlos Alberto Sales de que existe uma pendência de certidões por parte da associação, o que tem atrasado todo o processo. Carlos Sales também informou que já está agendada uma reunião entre o prefeito, Piruca, o secretário Carlos e Jaqueline Aparecida Souza (supervisora do Sistema Único de Assistência Social)para tentar agilizar o funcionamento do Cras.

 

Estrada rural interditada

O presidente da Câmara denunciou que há exatos três anos a estrada de acesso à comunidade Córrego da Areia não passa por nenhuma manutenção. Veículos escolares estão sem circular devido a estragos causados pelas fortes chuvas que tem caído nesses últimos dias.

 

Mais denúncias

Cabo Cunha denunciou mais uma vez que os exames de mamografia, ultrassonografia e outros de grande importância, em especial para o acompanhamento de gestantes, que não são ofertados aos usuários. “Temos que minorar o problema buscando apoio junto à Secretaria de Saúde do Estado de Minas Gerais”, disse o vereador.

 

Alô Saae! Sugestão!

Numa rápida visita às instalações da velha Sonda, ao lado do Tiro de Guerra, a redação do jornal descobriu que as condições de trabalho dos que ali militam 24 horas por dia, garantindo o fornecimento de água para importantes regiões desta cidade, não são nem de perto, as previstas em lei. Daí a sugestão ao diretor do Saae, Ney Araújo: dê uma passadinha por lá, e veja o que dá para melhorar. É óbvio que aquele maquinário quase centenário merece um olhar diferenciado da administração assim como, na época de chuva, chegam a ser desumanas as condições do local destinado a abrigar os funcionários. Fica a sugestão e a certeza de que Ney em breve fará chegar também ali, a mesma política de modernização que implantou na sede da autarquia. Quem viu o que era aquilo lá e verifica hoje, as melhorias havidas em pouco tempo e com recursos próprios, certamente concordará conosco.

(Foto: Paulo Coelho)

(Foto: Paulo Coelho)

(Foto: Paulo Coelho)

Emerson assume duas importantes secretarias

O atual superintendente de Assuntos Institucionais, advogado que integra o brilhante grupo de assessores do prefeito, oriundo da vizinha Piumhi, Emerson de Oliveira, entre os dias 22 de fevereiro e 12 de março, conforme consta das portarias de números 3141/2016 e 3142/2016, responderá pela Secretaria de Administração e Gestão de Pessoas e pela chefia de Gabinete, em substituição ao colega, José Terra de Oliveira Júnior (Terrinha), que se encontra no gozo de férias regulamentares.

Comentários