A China anunciou através de sua mídia estatal que seu primeiro robô pousou nessa sexta-feira (14) na superfície de Marte, às 20 horas no horário de Brasília. O Zhurong — deus do fogo, na mitologia chinesa — será controlado remotamente.

  • Sonda Tianwen 1: alcançou a órbita de Marte em fevereiro deste ano e consiste em três elementos. Um deles é o módulo do robô que pousou nesta sexta.
  • Zhurong: o dispositivo está acoplado à sonda e tem 240 kg. O principal objetivo será observar a superfície de Marte.
  • Pouso ousado: os cientistas reduziram a velocidade de entrada, que é de 20 mil km/h, para praticamente a velocidade com que um ser humano caminha na hora de “baixar as rodas”.

O pouso durou sete minutos e transformou a China no segundo país a tocar o solo marciano com sucesso, após os EUA, em 1976. A então União Soviética chegou a ter um equipamento que pousou em Marte antes, a Mars 3, em 1971, mas a comunicação foi perdida definitivamente apenas após alguns segundos.

Desde 1960, mais de 40 missões espaciais foram até Marte. Até agora, no entanto, menos da metade delas teve sucesso, e apenas os Estados Unidos conseguiram operar os dispositivos. Ou seja: a China se torna o segundo país a operar um robô no planeta vermelho.

Fonte: G1

Comentários
COMPATILHAR: