O Ministério da Educação (MEC) divulga, hoje, o resultado da primeira chamada para o Programa Universidade para Todos (ProUni) referente ao processo seletivo do segundo semestre de 2008. Criado pelo governo federal em 2004, ele oferece bolsas de estudos em instituições de ensino superior privadas, em cursos de graduação e seqüenciais de formação específica, a estudantes que participaram do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e obtiveram nota mínima de 45 pontos. O processo deste ano bateu o recorde, com 208 mil inscritos em todo o país. Nessa primeira etapa, serão pré-selecionados mais de 16 mil candidatos em Minas Gerais, sendo 7.889 na capital.
Para saber se foi contemplado, o candidato deve conferir o resultado no www.mec.gov.br/prouni ou telefonar para 0800-616161, fornecendo o número do Enem e o Cadastro de Pessoa Física (CPF). ?Muitos esquecem de conferir e acompanhar as chamadas e acabam perdendo a chance de ingressar na universidade?, alerta a coordenadora do ProUni, Paula Branco Melo. Se convocado, o aluno deve procurar a instituição para a qual foi pré-selecionado com os documentos que comprovem as informações da ficha de inscrição. ?Ele deve comparecer à faculdade ou universidade entre os dias 23 de junho e 4 de julho?, avisa Paula. A perda do prazo ou a não comprovação das informações implicará em reprovação.
Algumas instituições submetem os estudantes a um processo seletivo próprio, que pode ser diferente do vestibular, como uma prova de redação. A escola que optar por ele, deve avisar o estudante selecionado no ProUni no prazo mínimo de 48 horas, e informá-lo sobre os critérios de aprovação. ?Não pode ser cobrada qualquer taxa por esse processo. Se não existir a seleção prévia, o aprovado deve imediatamente se matricular e iniciar os estudos?, garante a coordenadora do ProUni.
Com frio na barriga e contando os dias para ingressar na universidade, a estudante Narahare Nádia Gomes, de 18 anos, está apreensiva com o resultado. ?Minha nota no Enem foi 80.6 e, se Deus quiser, em agosto estarei cursando engenharia da computação?, aposta. Quem não for convocado na primeira chamada, deve ficar atento, pois nos dias 14 de julho e 24 de julho serão divulgadas as segunda e terceira chamadas, respectivamente.
Fies
O ProUni é dirigido aos estudantes egressos do ensino médio das redes pública e particular na condição de bolsistas. Com renda familiar de até um salário mínimo e meio (R$ 622,50), o estudante concorre a uma bolsa integral. Se a renda for maior que esse valor ou menor ou igual a três salários mínimos (R$ 1.245 mil), o estudante tem a bolsa parcial de 50% ou complementar de 25%.
Quem for selecionado como bolsista parcial e não tiver condições de arcar com a outra parte da mensalidade, o MEC permite o uso do Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior (Fies). ?Este ano, a novidade é a Fiança Solidária, na qual de três a cinco estudantes da mesma instituição de ensino serão fiadores entre si, sem necessidade de comprovação de renda?, acrescentou Paula Melo.

Comentários