Durante o período de férias e feriados, é comum que várias pessoas viagem ou resolvam fazer compras. É também uma época considerada um prato cheio para infratores, que se aproveitam das ausências de famílias nas residências ou dos grandes movimentos nos centros urbanos para agir.
É visando zelar pela segurança do cidadão formiguense que a Polícia Militar reforçou o efetivo nas áreas centrais da cidade durante o mês de dezembro, período de maior movimentação comercial. Graças a esse policiamento, casos como o da mulher que foi detida na semana passada por furtar mercadorias de diversas lojas, podem ser mais controlados ou mesmo evitados.
Confira abaixo dicas de segurança para não correr riscos durante o período de festas.
Durante as compras:
? Só retire dinheiro nos caixas eletrônicos quando se sentir seguro;
? Deixar bolsas, objetos e embrulhos expostos nos bancos dos veículos chama a atenção dos infratores;
? Carregue pouca quantidade de dinheiro. Procure usar cartões de crédito ou cheques;
? Mantenha dinheiro de passagem ou outras pequenas despesas separados;
? Evite abrir bolsas e carteiras em público. Se precisar faze-lo, seja discreto e não permita que outras pessoas vejam seu conteúdo;
? Bolsas, carteiras ou sacolas de compras devem ser transportadas junto e à frente do corpo, para o lado de dentro da calçada;
? Desconfie de esbarrões, empurrões ou cotoveladas;
? Em caso de pessoas ou veículos suspeitos, não perca tempo, ligue 190 e acione imediatamente a Polícia Militar.
Vai viajar?
? Antes de pegar a estrada, confira os equipamentos como triângulo, chave de rodas, pneu sobressalente, macaco, lanterna à pilha, extintor de incêndio carregado, etc.;
? Cheque a documentação do seu veículo e evite transtornos;
? O carro deve estar revisado, em boas condições de uso pneus em bom estado e calibrado, freios, amortecedores, alinhamento e balanceamento das rodas, limpador de pára-brisa, motor regulado, nível do óleo e água do radiador, bateria, cabos, etc.;
? As crianças devem viajar sempre no banco traseiro e com o cinto de segurança que é obrigatório;
? Evite dirigir à noite ou sob neblina. Se tiver pressa, saia mais cedo. Redobre a atenção ao dirigir sob a chuva;
? Havendo derramamento de combustível, não acenda fósforos ou isqueiro. Pare o veículo e acione o socorro;
? Evite dirigir por longos períodos. Faça pausas para descanso de todos. Planeje a sua viagem, como onde abastecer, alimentar, etc.;
? Em caso de acidente, providencie o socorro das vítimas, mas procure deixar alguém no local do acidente até a chegada da polícia;
? Respeite os outros motoristas e não provoque ou aceite disputas;
? Em caso de acidente, não se precipite na retirada forçada de vítimas presas na ferragem. Lembre-se que a ferragem deve ser retirada da vítima e não a vítima da ferragem;
? Ninguém deve ficar na pista em caso de imprevistos na via. Isso evita novos acidentes. Em caso de troca de pneu ou um acidente, coloque sinais de advertência nos dois sentidos da estrada e peça auxílio nos fones da Polícia Militar no fone 190, Polícia Rodoviária Estadual no fone 199 e Polícia Rodoviária Federal no fone 191;
Em casa:
? Evite colocar cadeados do lado de fora do portão. Isso poderá denunciar a saída dos moradores da residência;
? Evite comentar com pessoas estranhas que irá viajar ou ausentar-se da sua residência. Comunique-se apenas com vizinho de confiança;
? Durante a sua ausência, seu vizinho é a sua segurança mais próxima. Oriente-o a acionar a Polícia Militar através do fone 190 em casos de pessoas e veículos suspeitos parados próximos à sua residência;
? Evite deixar o portão da garagem aberto. Antes de sair, cheque portas e janelas;
? Ao entrar em casa, procure perceber se há cheiro estranho principalmente de gás. Em caso positivo, não ligue as chaves de energia ou interruptores. Abra todas as portas e janelas para ventilar. Procure descobrir e vedar o vazamento;
? Instale dispositivos de segurança como reforço da tranca normal de portas e janelas;
? Evite deixar a sua residência com aparência de vazia. Não feche completamente as cortinas e persianas. Não deixe luzes acesas durante o dia e a noite. Peça o vizinho para recolher as correspondências;
? Peça ao zelador/funcionário para não informar que você está viajando;
? Faça um exame cuidadoso do aspecto físico do seu imóvel e procure melhorar a segurança dos pontos que podem ser vulneráveis;
? Portas e janelas corrediças não são totalmente seguras. Pinos de segurança ou até medidas simples como reforço de um cabo de vassoura resolvem este problema;
? Procure formar uma rede de vigilância comunitária para que haja observação mútua de residências. Se ainda não participa deste projeto, procure o Quartel mais próximo da sua residência para maiores informações;
? Verifique antes de sair se as portas e janelas estão trancadas, se o registro geral de água e de gás estão fechados e se os cinzeiros, lareiras e churrasqueiras estão limpos de brasas;
? Não deixe bilhetes comunicando a empregados e amigos seus planos de viagem e instrua os demais membros da família a fazerem o mesmo.
Chame a Polícia sempre que você observar:
? Luzes acesas ou barulho em casa de vizinhos que estejam viajando e não tenham avisado qualquer coisa a respeito, principalmente mudanças à noite;
? Táxi, carro particular ou caminhão recebendo mercadorias volumosas, com as pessoas agindo de maneira nervosa e sem os cuidados necessários com os objetos a serem transportados, tais como televisão, aparelho de som, DVD, etc;
? Pessoas armadas ou grupos suspeitos anotando as placas dos veículos estacionados;
? Carros novos conduzindo três ou quatro elementos, com placas duvidosas ou danificadas/alteradas;
? Transeuntes carregando grandes embrulhos e pacotes à noite ou de madrugada;
? Veículos ou pessoas estranhas parados em portas ou perto de edifícios ou casas, por muito tempo.

COMPATILHAR: