O salário mínimo poderá ser de R$ 667,75 no próximo ano se o texto da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), aprovada nesta terça-feira (17) pela Comissão Mista de Orçamento (CMO) e pelo Plenário do Congresso, for sancionado pela presidente Dilma Rousseff.
O aumento frente ao valor atual, que é de R$ 622, será de 7,36%. Em valor absoluto, será um aumento de R$ 45,75.
A lei estabelece que o reajuste tem como base o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) do ano anterior, mais a variação do Produto Interno Bruto (PIB) de dois anos antes. Pelas previsões do cenário econômico contidas no texto da LDO, o crescimento do PIB brasileiro será de 4,5% neste ano e de 5,5%, em 2013. E para a inflação, medida pelo IPCA, a projeção é de 4,7% no ano que vem e 4,5% neste ano.
Em relação à taxa de juros, o texto da LDO prevê a Selic em 9% no final de 2013. A estimativa foi feita antes das seguidas reduções feitas pelo Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central (BC), que levaram a taxa para os atuais 8% ao ano.

Comentários