O presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), permanecerá internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Sírio-Libanês até esta segunda-feira (16), informou a instituição em comunicado.
Sarney foi submetido a cateterismo pela equipe médica do hospital após apresentar dores no início da madrugada deste domingo.
Em comunicado divulgado às 12h30 deste domingo, o hospital informou que o estado de saúde do presidente do Senado é estável.
Em boletim médico anterior, o Sírio-Libanês informou que durante o cateterismo foi encontrada obstrução importante na artéria descendente anterior, tendo sido realizada, com sucesso, angioplastia com a colocação de stent.
A angioplastia é uma cirurgia específica para desobstruir artérias, e os stents são compostos por pequenas estruturas tubulares que, quando implantadas, acabam por dilatar as artérias.
Sarney, de 81 anos, foi internado na tarde de sábado e passou por exames que estavam previamente agendados para a próxima semana, informou boletim médico anterior ao deste domingo.
Esses exames haviam detectado no presidente do Senado pelo PMDB-AP alterações compatíveis com o quadro de insuficiência coronária, segundo o Sírio-Libanês.

Comentários