A Secretaria Municipal de Saúde orienta as pessoas que entraram em contato com as águas das enchentes que façam uma cuidadosa higienização com água e sabão. De acordo com a enfermeira Fabiane Magela, as pessoas que entraram em contato com lama e águas da enchente, em especial aquelas contaminadas por esgoto, correm maior risco de contraírem doenças como: leptospirose, diarréias infecciosas, verminoses e hepatite. Entretanto, não é recomendável ministrar nenhum tipo de vacina durante o período das enchentes.
Na ocorrência de qualquer tipo de enfermidade e no aparecimento de sintomas como diarréia, vomito e febre, as pessoas devem procurar o Posto de Saúde mais próximo de sua casa, sendo que o Pronto Atendimento só deverá ser procurado em caso de emergência.
A orientação é evitar ao máximo o contato com a água das enchentes e a lama. O ideal é que as pessoas utilizem luvas e calçados de borracha para que não haja contaminação.
A Secretaria Municipal de Saúde informou que na quarta-feira, enfermeiros visitaram os locais mais afetados pelas chuvas, como os bairros Alvorada, Santo Antônio e o centro, e distribuíram hipoclorato de sódio para descontaminar a água. Essa mistura está disponível na Secretaria.

Comentários