Mesmo com o pouco prestígio dos vereadores, pois teve momentos em que apenas quatro legisladores permaneceram no plenário, Fradinho apresentou as ações já executadas este ano e os planos para os próximos meses, além de mostrar como está a arrecadação em Formiga. De janeiro a junho deste ano, foram arrecadados com impostos R$2.794.904,53, contra R$2.495.152,99 do mesmo período do ano passado.
O Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU) rendeu este ano R$1.083.320,91, contra R$898.124,66 em 2008. Com o Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza (SSQN) o município arrecadou R$1.008.571,34, sendo que, no ano passado, foram R$898.483,05. Já o Imposto Sobre Transmissão de Bens Imóveis (ITBI) rendeu R$498.549,62, contra R$492.182,20 em 2008.
A Concessionária da MG-050 foi a que mais contribuiu, com R$141.519,47, seguida do Banco do Brasil, com R$53.999,51; Caixa Econômica Federal, com R$52.070,34; Renovadora Segurança, com R$35.593,72, e Viação Formiga, com R$32.893,72.
A dívida ativa e do IPTU em 2009 é de R$430.563,22, contra R$417.295,59 de 2008. Com relação ao Fundo de Participação dos Municípios (FPM) houve uma queda de R$252.963,16 do ano passado para este e a queda do Imposto Sobre Circulação de Produtos e Serviços (ICMS) foi de R$558.904, 05. Com relação aos Royaltes (recursos hídricos) Formiga recebeu R$1.217.893,94 em 2008 e R$1.507.037,75 em 2009.

Comentários
COMPATILHAR: