As tarifas dos serviços de água e esgoto a serem pagas no mês de novembro em Córrego Fundo terão o valor reajustado em 19,49%. O reajuste foi fixado através do decreto nº 2.391, de 15 de setembro de 2015.

As informações são do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae) do município. Segundo o diretor da autarquia, José Mendes da Silveira, o reajuste visa à recomposição do equilíbrio econômico e financeiro do Saae, a fim de garantir sua sustentabilidade, mantendo em condições de normalidade as atividades de operação e manutenção dos sistemas de abastecimento de água, de esgotamento sanitário, bem como a realização dos investimentos necessários em ampliações, melhorias e atualização da infraestrutura existente, para garantir o atendimento da população, com qualidade na prestação dos serviços. 

O diretor do Saae explicou que as tarifas em questão são referentes aos serviços do Sistema de Abastecimento de Água e Coleta e Tratamento do Esgoto e serão reajustadas por uma série de fatores, entre eles: defasagem nos índices que incidem sobre as tarifas desde 2008; aumento nacional das taxas de energia elétrica causaram impactos econômicos nas despesas do Saae; as despesas da autarquia estão com os valores iguais ou maiores que as receitas, impossibilitando investimentos em equipamentos e na melhoria dos serviços.

Por meio de dados obtidos junto a autarquia, a tarifa de água residencial é de R$ 18,80. Com o aumento de 19,49%, passará para R$ 22,45. Já a tarifa residencial de água e esgoto, de R$ 24,44, passará para R$ 29,20.

José Mendes explicou que, para que fosse feito o reajuste das tarifas, foi necessário um Estudo de Revisão de Tarifas da Prestação dos Serviços de Água e Esgoto, elaborado por empresa especializada em saneamento do município de Passos. O documento será disponibilizado para consulta da população interessada, junto ao Saae.

“A conta de energia elétrica do Saae, por exemplo, elevou em 40%. Temos que considerar que nosso município está em plena expansão. Nos últimos anos, foram implantados reservatórios nas comunidades rurais de Sobradinho e Padre Doutor, além de aproximadamente 40 mil metros de redes de água, para ligações na zona rural. O reajuste das tarifas significa que continuaremos prestando o serviço de qualidade para a população e que também poderemos fazer novos investimentos neste e nos próximos anos”, comentou.

Em relação à responsabilidade social, o diretor do Saae deixou um alerta à população que faça uso consciente da água, de forma a evitar o desperdício.  Em caso de vazamentos nas redes públicas, ruas ou hidrômetros, os cidadãos devem entrar em contato com a autarquia pelo telefone: (37) 3322-9612.

Assessoria de Córrego Fundo

Comentários