Um treinador de futebol de 50 anos foi preso nesta quarta-feira (11) suspeito de abusar sexualmente de um adolescente, de 14, em Betim, na Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH). O homem nega ter cometido o abuso.

De acordo com a Polícia Militar, o jovem procurou a corporação na tarde de terça-feira (10), e contou que estava fazendo atividades físicas em um campo de futebol no bairro Ingá, quando sentiu dores nas pernas. O treinador teria lhe oferecido medicamento, que estava na casa dele, próximo ao local. 

Eles seguiram para a residência e, lá, conforme o Boletim de Ocorrência (BO), teria solicitado ao jovem para se deitar e fechar os olhos, quando começou a massagear as pernas do garoto e, num determado momento, teria tocado as partes íntimas do atleta.

O menino abriu os olhos e viu o homem nú. Na sequência, saiu do local correndo e, na companhia de um tio, chamou a polícia. Para a PM, já na escolinha de futebol, o treinador rebateu as acusações, dizendo que apenas fez a massagem nas pernas do garoto.

Os envolvidos foram levados para a  delegacia de plantão de Betim e, nesta quarta, confirmada a detenção. “A Polícia Civil de Minas Gerais ratificou a prisão em flagrante do suspeito pelo crime previsto no artigo 215 do Código Penal – ter conjunção carnal ou praticar outro ato libidinoso com alguém, mediante fraude ou outro meio que impeça ou dificulte a livre manifestação de vontade da vítima”.

Conforme a Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), o suspeito deu entrada nesta manhã, às 11h24, no Centro de Remanejamento Provisório de Belo Horizonte (Ceresp Gameleira).

Matéria do Hoje em Dia

Comentários
COMPATILHAR: