O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) retoma, nesta segunda-feira (27), sua agenda de viagens internacionais. Será a mais longa do novo mandato: 9 dias. Até 5 de dezembro, o petista visitará quatro países diferentes: Arábia Saudita, Catar, Emirados Árabes Unidos e Alemanha. Trata-se da primeira viagem internacional do presidente desde sua cirurgia no quadril, em setembro. Na lista, estão compromissos com chefes de Estado e empresários. A expectativa é que seja a última incursão internacional de Lula neste ano. Ao que tudo indica, o presidente brasileiro não deve participar da cerimônia de posse de Javier Milei na Presidência da Argentina em 10 de dezembro. Com isso, somando todo o período que esteve fora do país e o que ainda será registrado, o petista terá passado 62 dias longe do Brasil.

Na terça (28) e quarta (29), Lula estará em Riade, capital da Arábia Saudita, onde se encontrará com o príncipe Mohammad bin Salman e onde participa de eventos empresariais que envolvem a Embraer (fabricante de tecnologia aeroviária) e a Apex. Na quinta (30), o presidente brasileiro estará em Doha, no Catar. Por lá, ele participará de um fórum com empresários e de um encontro com o Emir Tamim bin Hamad al-Thani. Em seguida, ele parte para Dubai, onde participará da Conferência das Nações Unidas sobre as Mudanças Climáticas (COP-28) nos dias 1 e 2 de dezembro. De 3 a 5 de dezembro, Lula cumprirá agenda em Berlim, Alemanha. O brasileiro tem reunião marcada com o presidente Frank-Walter Steinmeier e com o primeiro-ministro Olaf Scholz.

Lula, assim, deve fechar o primeiro ano de seu terceiro mandato com 15 viagens internacionais, visitando 24 países diferentes. Confirmada toda a programação no exterior, os 62 dias longe do Brasil ficam abaixo dos números registrados em 2003, quando o primeiro mandato de Lula começou. Naquele ano, foram 67 dias fora do país.

PASSAPORTE PRESIDENCIAL
As viagens de 2023 ficam longe dos registros de 2009, quando Lula passou quase 100 dias longe do Brasil. A mais longa de todos os mandatos do presidente aconteceu em 2007 quando ele ficou 10 dias ausente. Na ocasião, ele visitou Finlândia, Suécia, Dinamarca, Noruega e Espanha entre 8 e 17 de setembro daquele ano.

Abaixo, a Itatiaia lista todas as viagens feitas por Lula desde 2003. As informações são públicas, disponibilizadas pelo Palácio do Planalto. Vale observar que, em anos eleitorais, as viagens internacionais tendem a cair – com exceção de 2008. Para 2024, quando serão realizadas eleições municipais, Lula deve diminuir o ritmo de viagens ao exterior e focar em uma presença doméstica para impulsionar aliados em candidaturas a prefeituras.

1º MANDATO
2003
Total de viagens: 18
Dias fora: 67
Países visitados: 27 (em ordem alfabética: África do Sul, Alemanha, Angola, Argentina, Bolívia, Colômbia, Cuba, Egito, Emirados Árabes Unidos, Equador, Espanha, Estados Unidos, França, Inglaterra, Líbano, Líbia, México, Moçambique, Namíbia, Paraguai, Peru, Portugal, São Tomé e Príncipe, Síria, Suíça, Uruguai e Venezuela)

2004
Total de viagens: 13
Dias fora: 39
Países visitados: 18 (em ordem alfabética: Argentina, Bolívia, Cabo Verde, Chile, China, Equador, Estados Unidos, Gabão, Haiti, Índia, México, Paraguai, Peru, República Dominicana, São Tomé e Príncipe, Suíça, Ucrânia, Venezuela)

2005
Total de viagens: 17
Dias fora: 52
Países visitados: 25 (em ordem alfabética: Argentina, Camarões, Colômbia, Coreia do Sul, Escócia, Espanha, Estados Unidos, França, Gana, Guatemala, Guiana, Guiné-Bissau, Itália, Japão, Nigéria, Paraguai, Peru, Portugal, Rússia, Senegal, Suíça, Suriname, Uruguai, Vaticano e Venezuela)

2006
Total de viagens: 14
Dias fora: 34
Países visitados: 13 (em ordem alfabética: África do Sul, Argélia, Argentina, Áustria, Bolívia, Botsuana, Chile, Escócia, Estados Unidos, Nigéria, Peru, Rússia e Venezuela)

2º MANDATO
2007
Total de viagens: 20
Dias fora: 61
Países visitados: 29 (em ordem alfabética: África do Sul, Alemanha, Angola, Argentina, Bélgica, Bolívia, Burkina Faso, Chile, Congo, Dinamarca, Equador, Espanha, Estados Unidos, Finlândia, Guiana, Honduras, Índia, Inglaterra, Jamaica, México, Nicarágua, Noruega, Panamá, Paraguai, Portugal, Suécia, Suíça, Uruguai e Venezuela)

2008
Total de viagens: 22
Dias fora: 73
Países visitados: 28 (em ordem alfabética: Antártida, Argentina, Bolívia, Chile, China, Colômbia, Cuba, El Salvador, Espanha, Estados Unidos, Gana, Guatemala, Guiana Francesa [França], Haiti, Holanda, Índia, Indonésia, Itália, Japão, Moçambique, Paraguai, Peru, Portugal, República Tcheca, Timor-Leste, Vaticano, Venezuela e Vietnã)

2009
Total de viagens: 23
Dias fora: 92
Países visitados: 30 (em ordem alfabética: Alemanha, Arábia Saudita, Argentina, Bélgica, Bolívia, Catar, Cazaquistão, Chile, China, Costa Rica, Dinamarca, El Salvador, Equador, Estados Unidos, França, Guatemala, Inglaterra, Itália, Líbia, Paraguai, Peru, Portugal, Rússia, Suécia, Suíça, Trinidad e Tobago, Turquia, Ucrânia, Uruguai e Venezuela)

2010
Total de viagens: 15
Dias fora: 48
Países visitados: 28 (em ordem alfabética: África do Sul, Argentina, Cabo Verde, Catar, Chile, Colômbia, Coreia do Sul, Cuba, El Salvador, Espanha, Estados Unidos, Guiana, Guiné Equatorial, Haiti, Irã, Israel, Jordânia, México, Moçambique, Palestina, Paraguai, Portugal, Quênia, Rússia, Tanzânia, Uruguai, Venezuela e Zâmbia)

3º MANDATO
2023 (já incluindo a nova viagem)
Total de viagens: 15*
Dias fora: 62*
Países visitados: 24 (em ordem alfabética: África do Sul, Alemanha*, Angola, Arábia Saudita*, Argentina, Bélgica, Cabo Verde, Catar*, China, Colômbia, Cuba, Emirados Árabes Unidos, Espanha, Estados Unidos, França, Índia, Inglaterra, Itália, Japão, Paraguai, Portugal, São Tomé e Príncipe, Uruguai e Vaticano).

Fonte: Itatiaia

 

COMPATILHAR: