Doze horas ininterruptas de jogos marcaram a 2ª Mini Maratona de Basquete em Formiga. A competição foi realizada no sábado (11) pela Associação Amigos do Basquete de Formiga (ABF).

Participaram do evento 163 atletas de 5 a 50 anos. Na primeira edição, realizada em maio de 2017, a competição contou com a participação de 153 atletas.

A 2ª Mini Maratona ocorreu no Clube Unifor, e contou com a participação de amantes do basquete das cidades de Formiga, Belo Horizonte, Arcos, Campo Belo, Perdões, Lagoa da Prata e Piumhi.

Os participantes foram divididos em duas equipes, time branco e esquadrão vermelho, com os confrontos obedecendo as faixas etárias da programação prevista. No final do evento, a equipe de camisa branca marcou mais pontos,500 x 465.

Basquete X inclusão

Os principais objetivos da atividadeforam fomentar a prática e a valorização do basquete, fortalecer laços de amizades e criar novos.

“Muitas pessoas pensam que basquete é para os fortes e altos, mas não é verdade. É um esporte técnico e muito democrático. Nesta edição tivemos a participação de uma menina de 5 anos, ao lado de adultos, alguns com 2 metros de altura. O basquete permite o acesso de todos”,enfatizou o presidente da ABF, Geraldo Magela (Higuita).

“Lembrando que na Meia Maratona do ano passado, tivemos a ilustre presença da equipe de basquete sobre cadeira de rodas, Os Bravos, de Divinópolis, que não puderam participar neste ano em virtude de outro compromisso esportivo”, explicou o professor Wilson Gonçalves, vice-presidente da Associação.

A associação

A ABF foi criada em julho de 2016, com o objetivo de fortalecer o esporte e lazer, como ferramenta de mudança social. Desempenha suas ações esportivas na quadra da Escola Municipal Miralda da Silva Carvalho, no Nossa Senhora de Lourdes e já participou de outras atividades, inclusive beneficentes.

A ABF também organizou um torneio de basquete na Praça da Matriz São Vicente Férrer, em novembro de 2017, evento pioneiro da modalidade, fora de um ginásio esportivo em Formiga.

Novamente a maratona não visou lucros, aconteceu pelo empenho dos voluntários que assumiram a missão, pelos atletas que prestigiaram e pelo apoio das empresas formiguenses.

(Fotos: divulgação ABF)

Comentários
COMPATILHAR: