Desde 2010, o Projeto Caminho da Vitória funciona em dois módulos em Formiga, um na escola Miralda da Silva Carvalho, com o sensei Windson Remaclo e um na Escola Benedita Gomide, com o Sensei Sidney. Cerca de 150 crianças são atendidas nos módulos.
O projeto é gratuito e sem fins lucrativos, e foi desenvolvido pela Academia Águia Dourada, pelo Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, pela Secretaria Municipal de Educação e pela Vara da Infância e Adolescência, na época pelo juiz Richard Fernando da Silva. Uma parceria com a Prefeitura Municipal que deu certo.
Na quinta feira (11), o professor responsável pelo desenvolvimento do projeto, Fabiano Souza, esteve presente no módulo da Vargem Grande para a graduação dos alunos que mudaram de faixas, e ganharam graus na faixa, como forma de incentivo ao esforço deles em aprender o judô e o jiu-jitsu.
Segundo informou Fabiano Souza, a expectativa é de que eles participem do evento que será realizado em Formiga, no dia 4 de agosto, o Minas Open De Jiu-Jitsu, uma realização da Federação de Jiu-Jitsu do Estado de Minas Gerais (FJJE-MG).
?Durante três anos, a Academia Águia Dourada tem investido neste projeto, com recursos próprios e sem fins lucrativos por parte dos professores, trabalhando em conjunto por uma melhor educação das crianças, expressando um viver diário de disciplina, respeito e muita dedicação ao esporte e ao trabalho?, explicou o professor.

Comentários
COMPATILHAR: