O Atlético voltou a sorrir no Brasileirão com duas vitórias nas duas últimas rodadas, uma delas quebrando um tabu de 13 anos na Vila Belmiro. Agora, a meta atleticana é vencer o Ceará no domingo (9) para embalar de vez na competição e tentar voltar ao G4 nessa reta final.

Nos três últimos meses, o Atlético viveu momentos complicados, sem conseguir embalar e passando até por momentos que não davam nenhuma esperança ao torcedor. O clube foi eliminado da Copa do Brasil, demitiu seu treinador, trouxe de volta Cuca, com intenção de salvar o ano, mas sem sucesso. Pelo contrário, o treinador foi eliminado da Libertadores e teve o pior início de um técnico do Galo em 10 anos. No momento, com as duas vitórias nas últimas duas rodadas, contra Fluminense e Santos, o Galo quebrou sequências ruins e quer embalar de vez na competição, mesmo que seja tarde demais para o título.

Foram sete jogos seguidos sem vitória como mandante até vencer o Fluminense no último domingo. Eram 13 anos sem vitórias na Vila Belmiro até vencer o Santos na última quarta-feira. Agora, a meta é manter um tabu e não destruí-lo. O Atlético só perdeu uma vez quando recebeu o Ceará em Minas, e isso aconteceu há 12 anos, quando o Vozão surpreendeu e venceu o Galo no jogo de despedida do antigo Mineirão. De lá pra cá, foram cinco jogos em Minas, com quatro vitórias do Galo e um empate.

A meta do Atlético agora é voltar ao G4, já que o título do Brasileirão está fora da realidade. Mas, primeiro, o time precisa voltar ao G6. Em 7° lugar, o Galo soma 46 pontos, dois a menos que o Athletico, 6° colocado, e três a menos que o Flamengo, 5° colocado.

“Lógico que ainda estamos longe dos quatro primeiros, mas nossa realidade hoje é essa. Falta pouco mais de um mês pra acabar e a gente pode, e deve, melhorar”, afirmou o técnico Cuca após a vitória contra o Santos.

O Atlético recebe o Ceará, no Mineirão, às 18h deste domingo. A última vez que o Galo alcançou três vitórias seguidas foi justamente após um jogo contra o Vozão, em junho, quando venceu Fortaleza, Flamengo e Juventude.

Ampla vantagem histórica

Atlético e Ceará já se enfrentaram 24 vezes pela Série A do Brasileirão, com vantagem atleticana, que venceu 12, contra seis do Ceará e seis empates. Na história, são 28 jogos, já que também foram adversários na Série B (2006) e na Copa do Brasil (2005), mas a média segue igual: 14 vitórias do Galo, sete do Vozão e sete empates.

Fonte: Hoje em Dia

Comentários
COMPATILHAR: