Neste ano, assim como no ano passado, o Carnaval de Formiga não contará com o famoso Desfile das Escolas de Samba da cidade. Para relembrar os antigos Carnavais da cidade, o Museu Histórico Francisco Fonseca está realizando a exposição ?Carnaval de Formiga, Magia e Sedução?. A exposição começou na terça-feira (18) e pode ser visitada até a Quarta-Feira de Cinzas, no dia 5 de março.
?A exposição pretende repassar aos visitantes informações visuais sobre a qualidade e a garra dos Carnavais do passado, mostrando inúmeras fotos de antigos foliões e do seu entusiasmo pelas festas de rua e de salão, em Formiga em outros tempos?, explicou a secretária de Cultura, Elizabeth Baptista.
Tudo começou pelos relatos de componentes das Escolas de Samba, em várias reuniões na Secretaria de Cultura, quando vieram à memória, lembranças que motivaram pesquisas do material arquivado no Museu Histórico. A partir daí, com fotografias emprestadas pelas escolas, material fotográfico cedido pelo Clube Centenário e fotos e fantasias cedidas por particulares, montou-se a exposição. ?Ela vem marcada pela mesma espontaneidade que fez de Formiga uma cidade de Carnavais inesquecíveis?, comentou a secretária.
Liga das Escolas de Samba
Na edição 883 do dia 17 de janeiro, o jornal Nova Imprensa divulgou matéria informando sobre o cancelamento dos desfiles das Escolas de Samba. Se em 2013 a desculpa foi a falta de prazo, neste ano, o argumento da Secretaria de Cultura, foi que as Escolas de Samba não dispunham da documentação necessária para obterem ajuda da administração para realizarem os desfiles.
A informação de que os desfiles seriam cancelados foi repassada para os representantes das agremiações no começo de janeiro, quando já se preparavam para a festa. De acordo com a representante da Escola Batuqueiros da Alvorada, Eliane Estevão, o samba-enredo deste ano já estava pronto.
Com a impossibilidade de realização do desfile, os representantes das agremiações estão organizando a Liga Independente das Escolas de Samba (Liesf), que poderá servir oficialmente de mediadora de todas as escolas no ano que vem e, com isso, para que a falta de tempo não justifique, mais uma vez, o cancelamento dos desfiles.

Comentários
COMPATILHAR: