O escritor britânico Terry Pratchett, 63 anos, afirmou ter dado início ao processo que pode levar a seu suicídio assistido em uma clínica na Suíça. Segundo o site do jornal britânico The Telegraph, o autor recebeu formulários para escolher a data e o lugar de sua morte.
Terry Pratchett, responsável pela série Discworld, tem uma forma rara de Alzheimer com um início precoce. Ele disse que tinha recebido os formulários recentemente e agora está pensando quando irá assiná-los.
O autor tomou a decisão após acompanhar um doente de esclerose lateral amiotrófica na mesma clínica suíça em um polêmico documentário que será exibido nesta segunda-feira (13) na emissora britânica BBC Two. O filme mostra o empresário Peter Smedley, 71 anos, em suicídio assistido. Ele morreu nos braços da esposa após tomar um coquetel de medicamentos. Será a primeira vez que um suicídio será transmitido na televisão.
Prachett já vendeu mais de 65 milhões de livros da franquia Discworld, saga de fantasia que lançou em 1983.

Comentários