Zezé Perrella foi eleito na noite desta quarta-feira o presidente do Cruzeiro para o triênio 2009-2011. A chapa Tríplice Coroa, do atual vice-presidente de futebol do clube, venceu com 375 votos, contra 49 da Transparência Azul, do candidato Márcio Rodrigues da Silva, representante da oposição. Já são 14 anos de hegemonia dos irmãos Perrella no comando celeste. Alvimar, atual presidente, comanda o clube desde 2002 e tinha sido o sucessor de Zezé, que comandou a Raposa entre 95 e 2002.
Foi uma vitória que nós já esperávamos. O Cruzeiro é forte por causa de sua unidade e entrosamento. O nosso adversário em momento algum se rotulou como oposição, mas se colocou como uma candidatura alternativa. Essa é a nossa diferença para os outros clubes, isso é o que torna o Cruzeiro grande. Eu tive 87% dos votos, isso demonstra a confiança que o conselheiro do clube deposita em mim, e eu vou ter que trabalhar muito para merecer mais uma vez esta confiança, afirmou Zezé, em meio a festa que tomou conta da sede administrativa do clube, no Barro Preto.
A posse do presidente está marcada para o dia 17 de dezembro, às 20h, na sede campestre do Cruzeiro, na região da Pampulha. O clube também vai eleger a mesa diretora do conselho deliberativo no próximo dia 12. Ela será formada pelo presidente, vice e dois secretários.
Durante os anos que foi presidente, o clube conquistou 14 títulos. O de maior expressão foi o da Libertadores de 97. E o atual vice-presidente de futebol colocou o foco de sua campanha exatamente nos títulos conquistados durante os anos de gestão do atual grupo que controla o Cruzeiro.
A prioridade da gestão será o lançamento do projeto sócio-torcedor. Outra questão crucial, a construção da Arena celeste, perdeu força e o próprio Perrella vê com bons olhos administrar o Mineirão juntamente com o Atlético.
Zezé também promete muitos títulos: Eu vou fazer de tudo nesses próximos três anos para conseguir conquistar mais uma vez o Campeonato Brasileiro. Mesmo não sendo campeão brasileiro desde 2003, o Cruzeiro sempre brigou. Então eu prometo a torcida, nesses três anos de mandato nós vamos ser campeões brasileiros pelo menos uma vez, afirmou.

Comentários