O corpo do ex-presidente e senador Itamar Franco deixou a Câmara de Vereadores de Juiz de Fora (MG), onde ele estava sendo velado, por volta das 9h desta segunda-feira (4).
O caixão foi levado por um carro aberto do Corpo de Bombeiros da sede do legislativo municipal até o Aeroporto da Serrinha. O corpo de Itamar será transferido para Belo Horizonte, capital de Minas Gerais, onde haverá um segundo velório.
tamar Franco morreu aos 81 anos neste sábado (2), em São Paulo. Nota divulgada pelo Hospital Albert Einstein informou que o ex-presidente sofreu um acidente vascular cerebral (AVC) na UTI, onde estava sendo tratado de uma pneumonia decorrente de uma leucemia aguda, e morreu às 10h15 de sábado.
Nas primeiras horas desta manhã e na madrugada, a visitação no velório em Juiz de Fora esteve restrita aos parentes do ex-presidente. Pouco antes das 8h o velório foi reaberto à população, que se aglomerava na praça ao lado da Câmara para esperar a saída do cortejo.
Segundo velório
Nesta segunda-feira, Itamar Franco terá um segundo velório no Palácio da Liberdade, em Belo Horizonte. A assessoria do Palácio do Planalto informou que a presidente Dilma Rousseff irá a Belo Horizonte na manhã de segunda para acompanhar o velório.
Devem embarcar com a presidente para Belo Horizonte (MG) a ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, a ministra das Relações Institucionais, Ideli Salvatti, a ministra da Secretaria de Comunicação Social, Helena Chagas e o ministro das Relações Exteriores, Antonio Patriota.
De acordo com a assessoria de imprensa do senador, o corpo de Itamar deverá ser levado no fim da segunda-feira para Contagem (MG) onde será cremado, atendendo a um desejo do ex-presidente.

Comentários