No dia 20 de novembro comemora-se em 1004 cidades brasileiras o Dia da Consciência Negra. O feriado ainda não é unanimidade entre os 5570 municípios brasileiros. Há locais como o Acre, o Ceará e o Distrito Federal, em que a data não é comemorada oficialmente.
O dia 20 de novembro foi escolhido por marcar a morte de Zumbi, último líder do maior dos quilombos do período colonial, o Quilombo dos Palmares. Comemorada há 30 anos por ativistas do movimento negro, a data foi incluída em 2003 no calendário escolar nacional, e só em 2011 foi instituída uma lei em que transforma o dia 20 de novembro, oficialmente, em dia de Zumbi dos Palmares e da Consciência Negra.
Para algumas pessoas, o feriado é mais um no calendário anual brasileiro lotado de datas comemorativas. Para outras, principalmente para o movimento negro, é dia para celebrar o orgulho negro e combater o racismo.

Em Minas Gerais, a data é celebrada oficialmente, apenas em 11 municípios com feriado: Além Paraiba, Betim, Guarani, Ibiá, Jacutinga, Juiz de Fora, Montes Claros, Santos Dumont, Sapucai-Mirim e Uberaba e Belo Horizonte. Apesar de neste ano,em Belo Horizonte não haver o ferido, a data foi celebrada com uma série de atividades culturais espalhados por toda a capital mineira. Entre os destaques estão exposições, contação de histórias e palestras.

Comentários
COMPATILHAR: