O dia 31 de maio é conhecido, mundialmente, como dia de combate ao tabaco. Esta data foi criada pela Organização Mundial da Saúde e que tem como objetivo chamar a atenção para a epidemia do fumo e para as mortes que causa.

Epidemia esta que, há alguns anos, ganhou mais um incentivador: os cigarros eletrônicos – consumidos em boa parte, pelos jovens.

E é este um dos públicos que merecem maior atenção quando o assunto são as consequências ligadas ao fumo.

Temos que pensar nos nossos jovens, que são influenciados ao consumo desta substância pelos milhões de dólares gastos pela indústria do tabaco nas redes sociais e com marketing”.

“E tem o cigarro eletrônico, que não tem nada de inocente: num único dispositivo podemos ter centenas de cigarros“, salienta a médica Michelle Andreata Souza Moura, especializada em pneumologia pela Santa Casa BH e professora universitária, com atuação na Clínica Saúde do Lar.

 

Fonte: Hoje em Dia

COMPATILHAR: