Equipes da Defesa Civil e Secretaria Municipal de Trânsito, Segurança Pública e Mobilidade Urbana (Settrans) estão percorrendo as ruas de Divinópolis nesta quinta-feira (7) para avaliar as ocorrências relacionadas à chuva que atinge a cidade desde tarde de quarta (6). A informação foi confirmada ao Portal g1 pela Prefeitura.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, foram cerca de 10 ocorrências atendidas. Nenhuma delas grave. Segundo a corporação, os chamados foram para alagamentos em via pública, destelhamento de algumas residências por causa do vento, queda de árvores, inundação em uma creche e vistoria em imóvel.

Alagamentos

O morador Gabriel Gonçalves registrou o momento em que veículos ficaram submersos na Rua Ibituruna, no Bairro Ipiranga, durante a chuva.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, neste local, uma pessoa ficou presa dentro de um veículo. Entretanto, quando os militares chegaram ao local, o motorista havia sido retirado do carro com ajuda de outras pessoas e o volume de água havia escoado significativamente.

Inundação em creche

Uma casa que funciona como creche particular, no Bairro Levindo de Paula Pereira, foi invadida pela água da chuva. Segundo os responsáveis pelo local, no momento, haviam cerca de sete crianças. Apesar do susto, ninguém ficou ferido.

Vistorias

Durante o temporal, o Corpo de Bombeiros e a Defesa Civil foram até uma casa no Bairro Catalão para avaliar as condições do imóvel a pedido dos moradores. Segundo os Bombeiros, a residência apresentava várias rachaduras. Por isso, foi orientado que os moradores deixassem o local por segurança. Um laudo será feito sobre as condições estruturais da casa.

Também foi realizada a vistoria de um prédio no Bairro Vila Belo Horizonte. Segundo os Bombeiros, um apartamento do 3° pavimento estava com infiltração no teto dos dois banheiros, devido a problemas do encanamento do pavimento superior. Moradores foram orientados, por segurança, a ir para outro local enquanto o problema não fosse solucionado.

Fonte: g1 Centro-Oeste

Comentários